ÁGUA BOA

Agronegócio

Cursos gratuitos de artesanato, alimentação e educação estão no catálogo do Senar/MS

Publicado em

Agronegócio


Qualidade e gratuidade são marcas registradas das capacitações oferecidas pelo Senar Mato Grosso do Sul. Fizemos uma busca na internet e verificamos que um curso de confeitaria, por exemplo, pode custar mais de R$ 400. Confeitaria de Bolos e Biscoitos é uma das mais de 30 opções gratuitas da área de Promoção Social da instituição. Oportunidade para desenvolver habilidades e melhorar a renda é tema da editoria #EducaçãonoCampo desta quarta-feira (22).

Produção de alimentos saudáveis, corte e costura, empreendedorismo e educação postural são apenas algumas das capacitações que fazem parte do catálogo do Senar/MS. “Aprender fazer fazendo. Esta é a máxima desta linha de atuação da instituição. Com conteúdo programático amplo e elevado nível de conhecimento, a carga horária é otimizada e os alunos colocam a ‘mão na massa’, literalmente”, explica a gerente educacional, Luciana Baumhardt.

Para se ter uma ideia da aceitação dos cursos de Promoção Social do Senar/MS, em 2020, mesmo com as restrições impostas pela pandemia, foram capacitadas 3.500 pessoas. Este ano, entre agendas realizadas e confirmadas até setembro, a estimativa é de 3.300 certificações.

Leia Também:  ETANOL/CEPEA: Hidratado sobe um pouco, mas anidro se mantém em queda

Além da área de alimentação, as agendas contemplam cursos de artesanato e educação. ‘Crochê em Barbante’ e ‘Relações Interpessoais’ também estão no ranking dos mais procurados.

“A educação promove atitudes que transformam hábitos e abrem portas. Trabalhadores, produtores rurais e seus familiares têm o Senar como um parceiro para a qualidade de vida e contribuir com a comunidade. O ganho econômico também é uma realidade dos alunos que, depois de participarem dos cursos, melhoraram a renda e reduziram despesas”, acrescenta.

Quer ser aluno do Senar? Acesse senarms.org.br e veja as agendas confirmadas na sua cidade ou procure pelo sindicato rural mais próximo de você e solicite mais informações sobre as capacitações. 

Fonte: CNA Brasil

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Agronegócio

Campo Futuro levanta custos de produção em nove estados

Publicados

em


Brasília (30/07/2021) – O Projeto Campo Futuro levantou nesta semana os custos de produção de aquicultura (piscicultura), cana-de-açúcar, grãos (soja, milho e feijão), pecuária de leite e pecuária de corte.

Os encontros ocorreram de forma virtual como medida de segurança para atender os protocolos sanitários com o objetivo de evitar o contágio do coronavírus.

Os painéis de grãos ocorreram em Cristalina (GO), Dourados (MS) e Naviraí (MS). Em Morro Agudo (SP), Campo Florido (MG), João Pessoa (PB) e Recife (PE), ocorreram os levantamentos de cana-de-açúcar.

Houve, ainda, um painel de pecuária de leite, em Marmeleiro (PR), um de pecuária de corte, em Santa Maria (RS) e um de piscicultura, em Cuiabá (MT).

Os levantamentos foram feitos pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) em parceria com o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), Centro de Inteligência de Mercados da Universidade Federal de Lavras (CIM/UFLA), Labor Rural (Universidade Federal de Viçosa – UFV) e Pecege (Esalq/USP).

A iniciativa analisa as informações obtidas a partir da realidade produtiva apresentada pelos produtores. Participam dos encontros virtuais (medida de segurança para evitar o contágio do coronavírus) representantes das federações estaduais de agricultura e pecuária, sindicatos rurais dos municípios e produtores rurais. Os dados obtidos são preliminares.

Leia Também:  Curso de bovinocultura de Leite é realizado em Guaraí

Assessoria de Comunicação CNA
Foto: Wenderson Araujo
Telefone: (61) 2109-1419
flickr.com/photos/canaldoprodutor
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA
instagram.com/SistemaCNA
facebook.com/SENARBrasil
youtube.com/agrofortebrasilforte

Fonte: CNA Brasil

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA