ÁGUA BOA

Agronegócio

Estradeiro realiza quatro Simpósios de Logística

Publicado em

Agronegócio


Política Agrícola e Logística

Estradeiro realiza quatro Simpósios de Logística

A expedição percorreu cerca de 3,5 mil quilômetros entre os dias 29.05 e 04.06

07/06/2021

A edição do Estradeiro BRs 364/174 de 2021, realizou quatro Simpósios de Logística para produtores de Mato Grosso e Rondônia. A iniciativa é da Associação dos Produtores de Soja e Milho (Aprosoja MT) em parceria com Movimento Pró-Logística, que percorreu cerca de 3,5 mil quilômetros entre os dias 29.05 e 04.06.

Os eventos foram realizados em Campo Novo do Parecis, Porto Velho (RO), Colniza e Juína. Durante a apresentação, o diretor executivo do Movimento Pró-Logística, Edeon Vaz, faz uma atualização da logística brasileira. Dentre os destaques, fala sobre as obras e projetos de rodovias e ferrovias em andamento, e também faz um apanhado do funcionamento de portos e Estações de Transbordo de Carga.

“A ideia do simpósio é levar informação aos produtos e a toda comunidade local, já que em alguns desses eventos participam vereadores, prefeito, secretários e vários representantes de classe, que não são produtores, mas são formadores de opinião. É uma oportunidade de apresentar o trabalho desenvolvido pelo Movimento Pró-Logística e Aprosoja MT”, pontuou Vaz.

Leia Também:  Mega Leilão 10.021 da Estância Bahia.

Para o vice-presidente Oeste da Aprosoja MT, Lucas Konageski, os Simpósios deixam o estradeiro ainda mais completo, porque além da apresentação de dados é um espaço pra tirar dúvidas e trocar conhecimento com os produtores locais.

“É muito interessante essa parte do evento, por onde passamos estamos compartilhando conhecimento com os produtores, mostrando o trabalho que a Aprosoja está realizando e as projeções em termos de logística”, afirmou.

O objetivo do Estradeiro é realizar um raio-x da logística brasileira. Percorrer rodovias estaduais e federais, ouvir demandas locais, visita portos, ETCs, dentre outros, para tomar conhecimento dos desafios enfrentados no escoamento da produção agrícola. “Posteriormente nós apresentamos um relatório de demanda aos governos e fazemos o acompanhamento das nossas solicitações”, assegurou Edeon Vaz.

Quem também acompanhou este estradeiro foi o vice-presidente Leste da associação, Diego Dallasta. O diretor recomenda a experiência aos demais associados para que todos adquiram conhecimento técnico, conheçam de perto a realidade e estejam inseridos no dia a dia dos trabalhos da entidade.

“É muito proveitoso. Todos os associados precisam aproveitar essas viagens de conhecimento técnico. Convido que participem das próximas edições, adquiram conhecimento e participem junto com a associação na cobrança das autoridades para os avanços da logística brasileira para melhor escoamento da nossa safra”, pontuou.

Leia Também:  Feira Segura leva alimentos a 70 mil consumidores

Fonte: Ana Sampaio

Assessoria de Comunicação

Contatos: Telefone: 65 3644-4215 Email: [email protected]

Fonte: APROSOJA

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Agronegócio

Senar lança minicursos na área de pastagens

Publicados

em


Brasília (18/06/2021) – O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) disponibiliza, a partir de sexta (18), um novo formato de conteúdo para o aperfeiçoamento profissional de quem trabalha no campo. São quatro minicursos, totalmente online e gratuitos, com duração de até 2 horas e prazo de sete dias para conclusão.

Inicialmente, serão oferecidos os seguintes minicursos: correção de acidez do solo, entendendo a degradação de pastagens, formas de intervenção nas pastagens e técnicas de otimização das pastagens e do pastejo.

Os conteúdos desenvolvidos são objetivos, práticos e aplicáveis na rotina do campo. O acesso aos cursos EAD do Senar pode ser realizado pelo site http://ead.senar.org.br/

A diretora de Educação Profissional e Promoção Social do Senar, Janete Almeida, destaca que a instituição está sempre em busca de novas estratégias educacionais.  “A intenção é expandir as opções de capacitações de forma ainda mais dinâmica, em destaque na atualidade, sem perder a qualidade técnica que o Senar tanto preza”.

A distribuição do conteúdo tem algumas características importantes para facilitar o consumo do aluno, segundo a coordenadora de EaD do Senar, Ana Ângela Sousa.

Leia Também:  SOJA/CEPEA: Desvalorização do dólar pressiona valor interno

“Cada pílula é formada por conteúdos completos e independentes com curta duração. O processo de assimilação de informações é mais flexível e efetivo, pois o foco é em um único conceito ou problema. Além disso, os temas consideram a necessidade e a realidade do nosso público”, explica.

Características – Cada aluno poderá realizar a matrícula em um minicurso por vez e terá acesso a um minibook (minilivro em PDF) com os principais conteúdos para consulta. Ao final, o participante terá que responder um questionário (quiz) e realizar a pesquisa de satisfação para receber o certificado de participação.

Outras capacitações – Além dos minicursos, o Senar disponibiliza mais de 80 cursos de educação a distância no portal da EaD Senar. Conheça: http://ead.senar.org.br/.

Cartilhas e vídeos – Também é possível ter acesso a vídeos e cartilhas para aperfeiçoamento no campo por meio da Estante Virtual – Coleção Senar no site: https://www.cnabrasil.org.br/senar/colecao-senar

Outra opção é o aplicativo “Estante Virtual Coleção Senar”, que dá acesso ao conteúdo de mais de 170 cartilhas virtuais utilizadas nos treinamentos de produtores e trabalhadores rurais para a melhoria da produção agropecuária.

Leia Também:  Formação desde cedo: ATeG do SENAR MINAS lança seu programa de estágio

Assessoria de Comunicação CNA

Foto: Tony Oliveira
Telefone: (61) 2109-1419
flickr.com/photos/canaldoprodutor
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA
instagram.com/SistemaCNA
facebook.com/SENARBrasil
youtube.com/agrofortebrasilforte

Fonte: CNA Brasil

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA