ÁGUA BOA

Agronegócio

Indígenas – FAEMG e 81 Sindicatos mineiros no Supremo em Defesa da Segurança Jurídica

Publicado em

Agronegócio


A FAEMG e 81 Sindicatos de Produtores Rurais de Minas Gerais peticionaram ao Supremo Tribunal Federal – STF pedindo que os admita como parte interessada no processo que quer rediscutir as premissas fixadas para as demarcações de terras indígenas. A rediscussão do tema implica desconstruir as condicionantes fixadas pelo próprio Supremo, em 2009, no caso Raposa Serra do Sol, que vêm sendo pacificamente aplicadas desde então por todos os poderes públicos – Judiciário, Legislativo e Executivo.

“Rediscutir esta matéria é implantar a indesejada insegurança jurídica no campo, reestimular conflitos e invasões, instaurar o caos no meio rural. Estamos presentes no feito, em defesa do produtor rural mineiro, junto com nossos Sindicatos, para mantermos as condicionantes fixadas em 2009 pelo mesmo STF.” (Roberto Simões)

Leia a íntegra da petição protocolada aqui

Fonte: CNA Brasil

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Inscrições abertas para a 4ª Rodada de Negócios Virtual do Agro.BR
Propaganda

Agronegócio

Curso de olericultura do Senar incentiva produção de hortaliças

Publicados

em


Incentivar a produção de hortaliças como forma de diversificar as atividades no campo ou na cidade e, com isso, melhorar a renda familiar de trabalhadores e produtores rurais. Este é um dos objetivos do curso de Olericultura Orgânica, realizado pelo SENAR. Dessa vez, a turma reuniu dez pessoas no município de Lagoa da Confusão, que aprenderam sobre técnicas de cultivo e implantação de hortas desde o preparo do solo até a colheita.

O agricultor Nelson Rodrigues, o mais experiente da turma, foi um dos participantes que aproveitou o curso para aprofundar os conhecimentos na atividade. “Além do ensinamento, o curso também foi um incentivo pra gente sobre o resgate de hábitos mais saudáveis de alimentação, aqui nós aprendemos que é possível produzir hortaliças com adubo orgânico, sem a necessidade de uso de agrotóxicos”, explicou.

Uma das participantes, Silvana Gomes, ficou entusiasmada com o que aprendeu. Ela quer aproveitar a capacitação para construir uma horta na propriedade dela. Para ela, o negócio será bom tanto para o consumo familiar como para as finanças da família. “Hoje em dia nós observamos uma procura maior por produtos naturais e saudáveis, então vejo nesse curso uma oportunidade de vender para os mercados, que muitas vezes não tem essa opção”, explicou.

Leia Também:  Inscrições abertas para a 4ª Rodada de Negócios Virtual do Agro.BR

Formação Profissional Rural: O curso de Olericultura Orgânica vai auxiliar os pequenos produtores a alavancarem a produção de alimentos, gerando emprego e renda e fortalecendo a agricultura familiar do município e região. Além desse curso, o SENAR oferta mais de 50 cursos em diferentes cadeias produtivas do estado. Para saber mais, acesse nosso site: www.senar-to.com.br

Fonte: CNA Brasil

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA