ÁGUA BOA

Agronegócio

Senar lança minicursos para ensinar técnicas de prevenção ao fogo

Publicado em

Agronegócio


Brasília (09/09/2021) – O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) lançou, na quarta (08), três minicursos para ensinar técnicas de prevenção ao fogo no meio rural. Os cursos online e gratuitos têm curta duração, com emissão de certificado.

Os minicursos “Comportamento do fogo (3 horas)”, “Prevenção de incêndios florestais (3 horas)” e “Técnicas de realização da queima controlada em propriedades rurais (4 horas)” estão disponíveis no portal de Educação a Distância do Senar. 

Os conteúdos foram desenvolvidos em parceria com o Centro Nacional de Prevenção e Combate a Incêndios Florestais (Prevfogo), órgão vinculado ao Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama).

Segundo a coordenadora de EaD do Senar, Ana Ângela Sousa, a parceria tem o objetivo de ofertar aos interessados soluções educacionais rápidas, dinâmicas e eficientes.

De acordo com o assessor técnico do Senar, Mateus Tavares, o conteúdo foi desenvolvido a partir dos conceitos e técnicas utilizados pelo Prevfogo para prevenir e combater incêndios florestais no Brasil.

Acesso fácil – Os conteúdos desenvolvidos são objetivos, práticos e aplicáveis na rotina do campo. Após a matrícula o acesso é disponibilizado imediatamente e o participante tem o prazo de sete dias para conclusão.

Leia Também:  OVOS/CEPEA: Menor demanda e sobras de ovos pressionam valores

Cada aluno pode realizar a matrícula em um minicurso por vez e tem acesso a um minibook (minilivro em PDF) com os principais conteúdos para consulta.

Ao final, o participante terá que responder um questionário e realizar a pesquisa de satisfação para receber o certificado de participação.

Outras capacitações – Além dos minicursos, o Senar disponibiliza mais de 80 cursos de educação a distância no portal da EaD Senar, todos gratuitos. 

Cartilhas e vídeos – Também é possível ter acesso a vídeos e cartilhas para aperfeiçoamento no campo por meio da Estante Virtual – Coleção Senar.  

Na palma da mão – Outra opção é o aplicativo “Estante Virtual Coleção Senar”, que dá acesso ao conteúdo de mais de 170 cartilhas virtuais utilizadas nos treinamentos de produtores e trabalhadores rurais para a melhoria da produção agropecuária. O aplicativo está disponível nas lojas Play Store e Apple.

Assessoria de Comunicação CNA
Telefone: (61) 2109-1419
flickr.com/photos/canaldoprodutor
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA
instagram.com/SistemaCNA
facebook.com/SENARBrasil
youtube.com/agrofortebrasilforte

Fonte: CNA Brasil

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Agronegócio

Gaúcha do Norte prevê início do plantio da safra 21/22 para os próximos dias

Publicados

em

As primeiras precipitações de chuva dos últimos dias têm animado os produtores rurais de Gaúcha do Norte, no interior de Mato Grosso. Quem ainda não finalizou o preparo do solo para receber a semente da soja, segue com os trabalhos acirrados para conseguir aproveitar ao máximo a janela da cultura.

“As chuvas ainda são manchadas e em pouca quantidade, mas se as previsões de chuva se confirmarem, o plantio já deve iniciar no começo do mês de outubro. Mas, também tem produtor comentando que se na propriedade chover acima de 70mm ainda em setembro deve iniciar o plantio” comentou o presidente do Sindicato Rural de Gaúcha do Norte, Josinei Zemolin.

Nas propriedades Amanhecer II e São Jorge, já está tudo pronto para iniciar o plantio nos próximos dias. “Estamos esperançosos em abrir o plantio em setembro novamente, com chuvas de 20 mm vamos dar início no plantio em Gaúcha do Norte. Tivemos chuva de 10 mm na Fazenda Amanhecer II e 50 mm na Fazenda São Jorge”, disse o proprietário João Paulo Calgaro.

Leia Também:  Produtores de Rio Novo do Sul-ES receberão seminário sobre emissão de notas fiscais eletrônicas

No último final de semana, o produtor realizou um teste para o plantio na propriedade, mas não se confirmou devido a alta temperatura no solo, com 45º, isso antes das 9 horas da manhã.

Início do plantio da safra de soja 2021 22 em Gaúcha do Norte; Crédito – Cely Trevisan.

A área total das duas propriedades destinada a cultura da soja deve crescer 14% em relação à safra anterior, chegando a 2.500 hectares. “A expectativa é boa para a próxima safra, só estamos com o pé atrás com os custos pra próxima safra a 22/23. Está tendo um aumento significativo, onde os fertilizantes como super simples saiu de US$ 280/320 a tonelada para US$ 720 a tonelada, o KCL (cloreto de potássio) também teve alta expressiva”, pontuou Calgaro.

Além de Gaúcha do Norte, a família possui propriedade em Campos de Júlio com uma área de 2.200 hectares destinadas para essa safra de soja e com 160 mm acumulados.

Olho no Araguaia –  Por Cely Trevisan para AGRNotícias.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA