ÁGUA BOA

Economia

Bolsa do Povo Educação: veja como se inscrever no programa para ganhar R$ 500

Publicado em

Economia


source
Bolsa do Povo Educação: como se inscrever no programa do Governo de SP
Matheus Barros

Bolsa do Povo Educação: como se inscrever no programa do Governo de SP

O Governo do Estado de São Paulo abriu nesta segunda-feira (19) as inscrições para o Bolsa do Povo Educação. O programa contratará pais e familiares de alunos do ensino público para ajudar a monitorar protocolos de saúde contra a Covid-19 nas unidades escolares.

A iniciativa contratará 20 mil pais para trabalhar durante 4 horas por dia. Os selecionados receberão R$ 500 durante os seis meses de vigência do contrato.

Poderão participar do programa Bolsa do Povo Educação pessoas que sejam pais ou representantes legais de uma criança matriculada em escola pública estadual e que tenham idade entre 18 e 59 anos. É necessário que a pessoa esteja desempregada há pelo menos 3 meses e resida em um raio de até dois quilômetros de distância da escola.

O governo considera critérios preferenciais os candidatos que possuírem cadastro no CadÚnico e que o filho estude na escola de interesse.

Importante!

As inscrições podem ser feitas até 31 de julho.

Como se inscrever no programa Bolsa do Povo Educação de SP

1 – Acesse o site oficial do programa;

2 – Clique na opção “Educação”;

3 – Leia as informações do “Bolsa do Povo Educação”; caso cumpra os pré-requisitos, clique em “Se inscrever”;

Print do site do Bolsa do Povo do governo de São Paulo

4 – Complete o formulário com seus dados pessoais;

Print do site do Bolsa do Povo do governo de São Paulo

5 – Para participar do programa, os selecionados não podem possuir comorbidades que aumentem o risco de quadros críticos em casos de Covid-19. Declare se você se enquadra fora dos casos citados e, em seguida, clique em “Próxima Etapa”;

Print do site do Bolsa do Povo do governo de São Paulo

6 – Escolha três escolas que sejam próximas de sua residência. Lembre-se de se certificar que você está localizado dentro da distância máxima das unidades, que é de 2km.

Print do site do Bolsa do Povo do governo de São Paulo

Pronto! Agora você deve esperar uma resposta do Governo do Estado de São Paulo. Ainda não foi informado oficialmente quando os resultados finais do programa serão divulgados, mas sabe-se que as contratações terão início no dia 16 de agosto.

Leia Também:  Bolsonaro pode vetar 85% do Fundão e manter em R$ 800 mi, diz órgão da Câmara

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube ? Inscreva-se no nosso canal!

O post Bolsa do Povo Educação: como se inscrever no programa do Governo de SP apareceu primeiro em Olhar Digital .

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Economia

Bolsonaro confirma mudança de nome do Bolsa Família para Auxílio Brasil

Publicados

em


source
Bolsonaro não quis se comprometer, ao contrário dos últimos dias, com reajuste de 100% do benefício
Reprodução: iG Minas Gerais

Bolsonaro não quis se comprometer, ao contrário dos últimos dias, com reajuste de 100% do benefício

O presidente Jair Bolsonaro confirmou nesta quarta-feira (04) que o novo programa social que o governo está elaborando, para substituir o Bolsa Família, será chamado de Auxílio Brasil. Bolsonaro repetiu que a ideia é dar “no mínimo” 50% de aumento em relação ao que é pago hoje no Bolsa Família, mas disse que esse reajuste pode chegar a 100%.

“E os mais pobres têm uma dificuldade enorme, obviamente, do seu sustento. Com o coração grande de Paulo Guedes e sua equipe, com o trabalho agora de Ciro, com João Roma, encarregado da pasta, estamos aprofundando de modo que tenhamos um novo programa. Brasil…”, disse o presidente, olhando para o lado para confirmar o nome.

Você viu?

“Auxílio Brasil. De pelo menos 50% maior do que o Bolsa Família”, completou.

Em seguida, Bolsonaro falou que o ministro da Economia, Paulo Guedes, vai anunciar os “outros 50%” do aumento.

“Eu falo 50% porque os outros 50% vou deixar para o Paulo Guedes anunciar”, disse. 

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA