ÁGUA BOA

Economia

Governo ensaia pressão sobre STF para conseguir aumento no Bolsa Família

Publicado em

Economia


source
Governo ensaia pressão sobre STF para conseguir aumento no Bolsa Família
Fernanda Capelli

Governo ensaia pressão sobre STF para conseguir aumento no Bolsa Família

A equipe econômica que retomar a negociação da PEC (Proposta de Emenda À Constituição) dos precatórios ainda esta semana. A pressa se deve à necessidade de cumprir a promessa de apresentar um Bolsa Família mais robusto ainda em novembro, após o fim do auxílio emergencial. 

A PEC precisa de apoio de três quintos dos parlamentares, ou seja, de 49 senadores e 308 deputados, no entanto tem enfrentado resistência na oposição, que classificou a medida como “PEC do calote”. 

A dificuldade de tramitação do texto fez o ministro da Economia Paulo Guedes cogitar uma saída via Judiciário. 

A equipe econômica já ensaia o discurso caso o Supremo Tribunal Federal não apoie o parcelamento das dívidas. A pressão sob a Corte viria da ideia de que ela foi a responsável por barrar recursos para os mais necessitados.

A crise provocada pelo presidente Jair Bolsonaro entre Executivo e Judiciário atrasou a resolução do imbróglio. Em 2022, serão R$ 89,1 bilhões em precatórios, mas se a negociação for bem sucedida, o governo vai economizar R$ 33,5 bilhões no ano que vem.

*Com informações de Folha de São Paulo.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Economia

INSS: pagamento de até um salário mínimo começa nesta sexta-feira (24)

Publicados

em


source
Beneficiários que recebem até um salário mínimo já podem retirar o dinheiro nesta sexta-feira (24)
Max Leone

Beneficiários que recebem até um salário mínimo já podem retirar o dinheiro nesta sexta-feira (24)

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) inicia, nesta sexta-feira (24), o pagamento dos segurados que recebem até um salário mínimo (R$ 1.100). Esses beneficiários já podem, inclusive, retirar o valor depositado em suas contas no mesmo dia. 

Vale destacar que o INSS sempre realiza os pagamentos na primeira e na última semana de cada mês. A ordem de depósitos funciona de acordo com o dígito final do Número de Inscrição (NIS), impresso no cartão da autarquia. 

Assim, nesta sexta, recebem o dinheiro aqueles com NIS final 1. No fim de semana, o cronograma tem uma pausa e volta na segunda-feira (27), com NIS final 2 e assim por diante.

Outro detalhe importante a ser observado é que o INSS possui dois caléndarios diferentes. Enquanto o primeiro atende às pessoas que recebem até um salário mínimo, o segundo é voltado aqueles que recebem valores maiores.

Leia Também:  Investimentos de curto, médio ou longo prazo: qual se encaixa mais com você?

Confira o cronograma abaixo: 

Calendário do INSS para quem recebe até um salário mínimo

  • NIS final 1: 24 de setembro;
  • NIS final 2: 27 de setembro;
  • NIS final 3: 28 de setembro;
  • NIS final 4: 29 de setembro;
  • NIS final 5: 30 de setembro;
  • NIS final 6: 1º de outubro;
  • NIS final 7: 4 de outubro;
  • NIS final 8: 5 de outubro;
  • NIS final 9: 6 de outubro;
  • NIS final 0: 7 de outubro.

Calendário do INSS para quem recebe mais que um salário mínimo

  • NIS final 1 e 6: 1º de outubro;
  • NIS final 2 e 7: 4 de outubro;
  • NIS final 3 e 8: 5 de outubro;
  • NIS final 4 e 9: 6 de outubro;
  • NIS final 5 e 0: 7 de outubro.

A consulta do pagamento pode ser realizada pelo site ou aplicativo “Meu INSS”. Para efetuar o saque do benefício, basta se dirigir até uma agência bancária, com o cartão do INSS.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA