ÁGUA BOA

Economia

Home office pode encarecer as contas em até 25%, diz FGV

Publicado em

Economia


source
Home office pode encarecer as contas em até 25%, diz FGV
Redação 1Bilhão Educação Financeira

Home office pode encarecer as contas em até 25%, diz FGV

Trabalhar em home-office virou a realidade de muitos brasileiros, em decorrência da pandemia de coronavírus. Mais tempo em casa usando equipamento eletrônicos pode, porém, representar um impacto significativo no orçamento doméstico. Uma pesquisa do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (FGV IBRE) aponta que os gastos com internet, água, alimentação e energia, que crescem substancialmente no verão, podem ficar até 25% mais altos.

O aumento pode variar de acordo com o número de pessoas em casa e da rotina do trabalho. Um casal, por exemplo, que trabalha no escritório doméstico pelo menos oito horas por dia, usando um computador desktop e um notebook, pode ter um acréscimo na conta de aproximadamente 170 KWh, o que equivale a cerca de R$ 135, sem considerar a bandeira tarifária. Se optarem por deixar o ar-condicionado ligado durante todo o expediente, o gasto dobra, com acréscimo nas contas de 340 KWh.

Leia Também:  Alta dos combustíveis faz Uber e 99 subirem tarifa da corrida em até 35%

Com a criação da bandeira tarifária da escassez hídrica, com valor extra de R$ 14,20 a cada 100 KWh consumidos, o incremento nas despesas pode ser ainda maior.

“Quem conseguiu sustentar a posição de trabalho ou recuperou rápido? Quem tinha condição de trabalhar em casa. Mas para garantir uma produtividade alta e a própria empregabilidade, o trabalhador acaba tendo que arcar com alguns custos, como de uma internet ágil e da conta de luz”, analisa o economista Ricardo Macedo: “com os alimentos mais caros, também há custo maior com a alimentação dentro de casa.”

Você viu?

Trabalha muito mais em casa do que no escritório. Olhando esses números, a tendência é que o trabalhador tenha aumento do custo

Segundo o advogado trabalhista Everson Piovesan, embora não haja uma norma específica que direcione quais os reembolsos que a empresa tem que fazer ao funcionário em trabalho remoto, a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) determina que o empregador tem a obrigação de custear as despesas do seu negócio.

“O indicado é que o empregador e o empregado façam um acordo, com intermédio dos sindicatos ou dos advogados antes de partir para um processo. Com o contrato em vigor, não pega bem abrir uma ação judicial”, aconselha Piovesan.

Há ainda casos em que a empresa elabora um acordo de adesão se isentando do pagamento de despesas com luz e internet no home office. O advogado explica que, nesta condição porém, o trabalhador não tem a oportunidade de dizer não, pelo risco de ser demitido caso não concorde. Por isso, cabe processo.

“O ideal é sempre tentar conversar. Se não tiver sucesso, reúna testemunhas e guarde todos os documentos para entrar com uma ação judicial depois”, orienta.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Economia

Azul tem inscrições abertas para nova edição de seu programa de trainee

Publicados

em


source
Inscrições abertas: Azul anuncia nova edição de seu Programa Trainee
Calebe Murilo

Inscrições abertas: Azul anuncia nova edição de seu Programa Trainee

Estão abertas as inscrições para o Programa Trainee 2022 da Azul. São cerca de 15 vagas abertas para candidatos com formação superior em qualquer área de atuação para início em janeiro de 2022. Os interessados poderão se inscrever até 19 de outubro por meio do site da companhia clicando aqui .

A companhia busca por profissionais que tenham protagonismo em suas carreiras e que almejam o crescimento e desenvolvimento de suas habilidades de liderança. Para isso, logo no início do programa, os Trainees farão uma imersão no negócio da Azul, conhecendo a experiência oferecida ao cliente, por meio de visitas a áreas estratégicas, como aeroportos, hangares de manutenção de aeronaves, Azul Cargo, Callcenter e universidade corporativa.

Além disso, para acelerar a carreira dos jovens talentos, o programa oferecerá mentoria realizada com o CEO, vice-presidentes e diretores da Azul, que acompanham de perto o desenvolvimento de cada trainee.

Para participarem do programa, os candidatos precisam ter se graduado em qualquer área de conhecimento entre julho de 2018 e dezembro de 2021, serem apaixonados pelo segmento da aviação, inovadores, criativos e estarem dispostos a participar de projetos desafiadores na companhia.

“O nosso programa Trainee é diferente porque é uma via de mão dupla. Sabemos que nós, como liderança, temos muito o que compartilhar com esses jovens talentos, mas eles, por estarem ingressando no mercado agora, nos trazem uma visão moderna e inovadora que também contribui muito com o nosso negócio, ou seja, acaba sendo uma troca mútua de visões, experiências e ideias” afirma Camila Almeida, diretora de Pessoas da Azul.

Leia Também

O processo seletivo dará oportunidade para que os candidatos demonstrem suas habilidades em testes online, games para resolução de problemas e tomada de decisões, dinâmicas, entrevistas e painéis com a liderança. A companhia busca pela representatividade em todas as suas oportunidades e, por isso, todas as etapas são conduzidas sem distinção de raça, cor, gênero, orientação sexual, nacionalidade, deficiência, idade ou outra particularidade.

Leia Também:  Economia deve ficar estagnada no segundo semestre, afirma IFI

Além dos benefícios de assistência médica e odontológica, seguro de vida, previdência privada, restaurante próprio, vale-transporte ou estacionamento no local, gympass, programas de qualidade de vida e saúde, os Trainees também terão direito a outros diferenciais da Azul, como passagens aéreas nacionais e internacionais para eles próprios, seus pais, filhos, cônjuge e acompanhante, passagens aéreas nacionais ou internacionais para presentear amigos e, ainda, farão parte do clube de descontos da companhia.

O post Inscrições abertas: Azul anuncia nova edição de seu Programa Trainee apareceu primeiro em Contato Radar – Notícias de aviação .

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA