ÁGUA BOA

Economia

Voto impresso pode ter custo de R$ 2 bilhões, diz Barroso

Publicado em

Economia


source
O presidente do TSE, Luís Roberto Barroso, descartou a possibilidade de fraude em urnas eletrônicas em audiência sobre voto impresso na Câmara dos Deputados
Nelson Jr./SCO/STF

O presidente do TSE, Luís Roberto Barroso, descartou a possibilidade de fraude em urnas eletrônicas em audiência sobre voto impresso na Câmara dos Deputados

O ministro Luís Roberto Barroso , presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) afirmou que o custo do voto impresso no Brasil pode chegar a R$ 2 bilhões . A declaração foi dada na quarta-feira (9) em uma audiência na Câmara para tratar do voto em papel, que tem apoio do presidente Bolsonaro. 

“Dois bilhões de reais faz muita diferença. Eu só gostaria de lembrar que nós não realizamos o censo demográfico por falta de dinheiro, e que as Forças Armadas não puderam ajudar em uma operação que eu mesmo determinei para proteger comunidades indígenas por falta de recursos”, disse.

Barroso afirmou que o Congresso tem direito de discutir a questão, mas lembrou que as urnas eletrônicas são seguras e que encerraram um ciclo de fraudes pelo voto impresso . Ele também destacou que, por não ter ligação à internet, a confiabilidade do sistema digital é ainda maior. 


COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Economia

Comissões da Alesp dão aval a projeto que prevê empréstimos e loteria estadual

Publicados

em


source
Comissões da Alesp dão aval a projeto que prevê empréstimos e loteria estadual
Redação 1Bilhão Educação Financeira

Comissões da Alesp dão aval a projeto que prevê empréstimos e loteria estadual

Os parlamentares das comissões de Constituição, Justiça e Redação, e de Finanças, Orçamento e Planejamento da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo ( Alesp ) aprovaram, na quinta-feira (17), durante reunião em ambiente virtual, o relatório que rejeitou as emendas apresentadas sobre o Projeto de Lei 359/2021, do Executivo, que possibilita contratação de empréstimos e a criação da Loteria Estadual para investimentos.

O relatório, de autoria do deputado Alex de Madureira (PSD), apontou que o projeto é claro e não dá margem à utilização dos recursos para outras finalidades além das listadas. “Os recursos não serão desvirtuados do foco do projeto original, certo de que o Poder Executivo poderá implementar as sugestões propostas, com recursos orçamentários próprios presentes na Lei Orçamentária vigente”, disse o parlamentar.

Você viu?

As emendas de Plenário foram apresentadas pelas deputadas Professora Bebel (PT) e Janaina Paschoal (PSL) durante sessão na última terça-feira (15/6), quando as comissões já tinham dado aval ao projeto para iniciar a discussão e votação final. Nas emendas, as parlamentares pediram mais clareza em relação à algumas ações propostas no projeto, além de diferentes destinações aos recursos apresentados.

Leia Também:  Governo pagou R$ 120 mil para Sikera Jr.: "Não trabalho de graça"

No entanto, o relatório de Madureira, aprovado nesta quinta, concluiu que as emendas poderiam desfigurar o projeto. Nesta quarta-feira (16/6), inclusive, técnicos do governo do Estado se reuniram com deputados e deputadas para explicar, de forma detalhada, a proposta, e também tirar dúvidas ou dar esclarecimentos sobre o regramento.

Para conhecer o projeto e saber mais, leia a  matéria completa em 1Bilhão Educação Financeira .

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA