ÁGUA BOA

Esportes

Afastada por doping, McNeal apela ao TAS para competir em Tóquio 2020

Publicado em

Esportes


Campeã olímpica dos 100 metros com barreiras, a norte-americana Brianna McNeal foi afastada por cinco anos devido a uma violação de uma regra antidoping, informou a União de Integridade no Atletismo (AIU) nesta sexta-feira (4), e sua participação nos Jogos de Tóquio é dúvida até sua apelação ser ouvida.

McNeal, que foi acusada e suspensa provisoriamente por “adulterar o processo de gerenciamento de resultados” em janeiro, foi punida por um Tribunal Disciplinar, já que se tratou de sua segunda violação das regras antidoping da World Athletics.

A suspensão conta a partir de 15 de agosto de 2020. A AIU disse que McNeal apelou da decisão ao Tribunal Arbitral do Esporte (TAS), e o caso deve ser ouvido antes da Olimpíada de Tóquio de 23 de julho a 8 de agosto.

A AIU acrescentou que o TAS concedeu a McNeal uma “liberação provisória e suspendeu temporariamente” a decisão do tribunal para que ela possa competir até o final das classificatórias olímpicas de seu país em 27 de junho.

A AIU não detalhou seu parecer devido a “razões de confidencialidade”.

Leia Também:  Corinthians vence América-MG e garante a primeira vitória no Brasileirão 2021

McNeal, que foi campeã mundial em 2013 e conquistou um ouro na Olimpíada do Rio de Janeiro de 2016, negou ter sido diagnosticada pelo uso de qualquer substância proibida.

A atleta de 29 anos liderou o predomínio dos Estados Unidos nos 100 metros com barreiras na Rio 2016, mas foi banida por um ano ao perder três exames de drogas fora de competições, o que constituiu uma violação de uma regra antidoping.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Esportes

Com dois de Angel Romero, Paraguai estreia na Copa América com vitória

Publicados

em


O Paraguai derrotou a Bolívia por 3 a 1 de virada, na noite desta segunda-feira (14) no estádio Olímpico de Goiânia, em sua estreia na Copa América. O destaque da partida foi o atacante Angel Romero, que marcou dois gols.

Com o triunfo, a equipe paraguaia assumiu a liderança do Grupo A da competição, com três pontos. Já os bolivianos ficam na lanterna da chave, sem ponto algum. A Argentina é a vice-líder, com um ponto após empatar em 1 a 1 nesta segunda com o Chile.

Triunfo de virada

A Bolívia conseguiu abrir o placar cedo, logo aos 9 minutos com o meio-campo Saavedra em cobrança de pênalti. Mas, a partir daí, a equipe comandada pelo técnico Eduardo Berizzo assumiu os controles das ações, criando uma oportunidade após a outra.

Um pouco antes do intervalo, a Bolívia ficou em desvantagem numérica quando o atacante Cullear foi expulso após receber o segundo cartão amarelo por cometer falta em Piris da Motta.

Leia Também:  Cuiabá volta a vencer o Ação e disputará final do Estadual contra o Operário-VG

Melhor na partida, e com vantagem numérica, o Paraguai finalmente conseguiu transformar o domínio em gols na etapa final. Aos 16 minutos Romero Gamarra aproveita sobra de bola para chutar de primeira e empatar.

A virada vem três minutos depois, quando Angel Romero aproveita sobra de bola para desempatar sem dificuldades. Aos 35 minutos o ex-jogador do Corinthians marca novamente, desta vez em chute cruzado após receber de Ávalos.

Na próxima rodada, o Paraguai folga, enquanto a Bolívia enfrenta o Chile, na próxima sexta-feira (18) a partir das 18h (horário de Brasília) na Arena Pantanal.

Edição: Fábio Lisboa

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA