ÁGUA BOA

Esportes

Flu vence o RB Bragantino em sua estreia na Copa do Brasil

Publicado em

Esportes


Seja Sócio e receba conteúdos exclusivos, além de ter descontos em vários parceiros. Faça o Fluminense mais forte e escolha um plano agora!

Em dia de estreia do novo patricinador master, Betano, o Fluminense venceu o RB Bragantino por 2 a 0 pela partida de ida da terceira fase da Copa do Brasil. Os gols tricolores foram marcados por Fred, que está por um gol de se tornar o maior artilheiro da história da competição, e Abel Hernández. A partida de volta está marcada para a próxima quarta-feira, em Bragança Paulista.

PRIMEIRO TEMPO

Aos 21 minutos, Egídio insistiu em um cruzamento perigoso pela esquerda, mas ninguém da equipe tricolor consegiu aproveitar. Aos 22, outra boa chance, agora após cruzamento de Caio Paulista pela direita. Nene tentou o chute cruzado, mas a bola foi desviada pela defesa. E a pressão continuou. No minuto seguinte Egídio achou Nene, que dominou driblando o marcador e ficou sozinho. Em novo chute cruzado, a bola saiu pela linha de fundo. Aos 37, Caio Paulista partiu pela direita, cortou pro meio e tocou para Yago Felipe, que arriscou rasteiro e a bola raspou a trave, mas pra fora. O volante ficou com a bola no meio de novo aos 41, finalizou de novo, e dessa vez a bola saiu por cima.

  Yago do Fluminense celebra evolução, minimiza desgaste físico e projeta decisões

Leia Também:  Jogos de Tóquio: seleção olímpica perde de 2 a 1 para Cabo Verde

SEGUNDO TEMPO

O Fluminense abriu o placar aos 15 minutos. Caio Paulista brigou pela bola, roubou ainda no campo de defesa e fez a ligação com Fred. O atacante tricolor achou Gabriel Teixeira pela direita, e o camisa 39 devolveu para Fred, sozinho, que só precisou tirar do goleiro com a categoria de sempre. Aos 20, Gabriel Teixeira fez linda tabela com Caio Paulista, que terminou com finalização do camisa 70. O Flu ampliou aos 25. Abel Hernández brigou pela bola, ela ficou na disputa com Martinelli mais atrás, e o volante ligou com Yago Felipe. O 20 do Fluzão deu belo passe enfiado para o uruguaio, que só teve o trabalho de tirar do goleiro pra marcar. Logo em seguida, Gabriel Teixeira ainda teve linda chance de marcar o terceiro, mas a bola foi na rede pelo lado de fora.

FICHA TÉCNICA

Fluminense x RB Bragantino
Copa do Brasil 2021
3ª Fase – Ida
02/06/2021, 21h30
Maracanã – Rio de Janeiro/RJ

Fluminense (2)
Marcos Felipe; Calegari, Manoel, Luccas Claro e Egídio; Martinelli, Yago Felipe (Wellington) e Nene (PH Ganso); Caio Paulista (Luiz Henrique), Gabriel Teixeira (Kayky) e Fred (Abel Hernández). Técnico: Roger Machado.

  Fluminense já venceu o São Paulo duas vezes em estreias de Brasileiro

Leia Também:  Covid-19: com subida de casos, São Petersburgo endurece regras na Euro

RB Bragantino (0)
Júlio César; Aderlan, Fabrício Bruno, Léo Ortiz e Edimar (Luan Cândido); Ramires (Jadsom), Lucas Evangelista e Helinho (Weverson); Artur, Ytalo (Pedrinho) e Coello (Alerrandro). Técnico: Maurício Barbieri.

Cartões amarelos: Fred e Yago Felipe (FLU); Aderlan (RBB)
Gols: Fred e Abel Hernández (FLU); (RBB)
Árbitro: Ricardo Marques

Fonte: https://www.fluminense.com.br/noticia/flu-vence-o-rb-bragantino-em-sua-estreia-na-copa-do-brasil

COMENTE ABAIXO:

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Esportes

Com dois de Angel Romero, Paraguai estreia na Copa América com vitória

Publicados

em


O Paraguai derrotou a Bolívia por 3 a 1 de virada, na noite desta segunda-feira (14) no estádio Olímpico de Goiânia, em sua estreia na Copa América. O destaque da partida foi o atacante Angel Romero, que marcou dois gols.

Com o triunfo, a equipe paraguaia assumiu a liderança do Grupo A da competição, com três pontos. Já os bolivianos ficam na lanterna da chave, sem ponto algum. A Argentina é a vice-líder, com um ponto após empatar em 1 a 1 nesta segunda com o Chile.

Triunfo de virada

A Bolívia conseguiu abrir o placar cedo, logo aos 9 minutos com o meio-campo Saavedra em cobrança de pênalti. Mas, a partir daí, a equipe comandada pelo técnico Eduardo Berizzo assumiu os controles das ações, criando uma oportunidade após a outra.

Um pouco antes do intervalo, a Bolívia ficou em desvantagem numérica quando o atacante Cullear foi expulso após receber o segundo cartão amarelo por cometer falta em Piris da Motta.

Leia Também:  Jogos de Tóquio: seleção olímpica perde de 2 a 1 para Cabo Verde

Melhor na partida, e com vantagem numérica, o Paraguai finalmente conseguiu transformar o domínio em gols na etapa final. Aos 16 minutos Romero Gamarra aproveita sobra de bola para chutar de primeira e empatar.

A virada vem três minutos depois, quando Angel Romero aproveita sobra de bola para desempatar sem dificuldades. Aos 35 minutos o ex-jogador do Corinthians marca novamente, desta vez em chute cruzado após receber de Ávalos.

Na próxima rodada, o Paraguai folga, enquanto a Bolívia enfrenta o Chile, na próxima sexta-feira (18) a partir das 18h (horário de Brasília) na Arena Pantanal.

Edição: Fábio Lisboa

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA