ÁGUA BOA

Esportes

Guarani bate o Londrina e vence segunda consecutiva na Série B

Publicado em

Esportes


O Guarani conquistou na noite desta sexta-feira (9) a segunda vitória consecutiva na Série B do Campeonato Brasileiro. Com gol do atacante Bruno Sávio no segundo tempo, o Bugre bateu o Londrina por 1 a 0, no Estádio do Café, em partida válida pela 10ª rodada.

Com o resultado positivo, o Alviverde manteve a invencibilidade fora de casa no torneio (duas vitórias e três empates), foi a 16 pontos e se aproximou do G4. O próximo compromisso acontece na terça-feira (13), contra o CRB, no Estádio Brinco de Ouro.

O JOGO
O técnico Daniel Paulista mandou a campo o time com uma novidade na formação titular – o zagueiro Thales retornou de suspensão e ocupou a vaga de Carlão, entregue ao departamento médico por conta de um problema na panturrilha esquerda. A partida começou bastante equilibrada, com as equipes sendo cautelosas. Com mais posse de bola e a marcação ajustada, o Guarani evitava avanços perigosos do adversário e buscava espaços para atacar.

Aos poucos, o Bugre passou a controlar as ações ofensivas e ditar o ritmo na etapa inicial. Dessa forma, as oportunidades começaram a aparecer. Aos 21′, Davó fez tabela pelo meio com Bruno Sávio, finalizou e o goleiro adversário defendeu no canto direito. O atacante teve nova chance aos 30′. Após receber de Rodrigo Andrade, o camisa 30 arriscou e César segurou.

  América treina firme e está confiante para enfrentar o CRB

Leia Também:  Da tampa de isopor ao ouro olímpico, a longa jornada de Ítalo Ferreira

Melhor em campo, o Guarani teve duas chances de ouro para abrir vantagem no primeiro tempo. Aos 37′, Diogo Mateus cobrou escanteio, o zagueiro Ronaldo Alves tocou de cabeça e exigiu grande defesa do goleiro do Londrina. No rebote, Julio César tentou e quase marcou. Quatro minutos depois, Bruno Sávio fez grande jogada pelo lado direito, deu uma caneta no adversário e fez o passe, mas Julio César não conseguiu completar para o gol.

A volta do intervalo teve os donos da casa com mais volume de jogo e exigindo mais atenção da retaguarda bugrina. Praticamente um espectador no primeiro tempo, Gabriel Mesquita foi exigido pela primeira vez aos 14′. Após cruzamento vindo da direita, Caprini bateu e, atento, o goleiro do Guarani fez intervenção importante.

Na tentativa de oxigenar o setor ofensivo, Daniel Paulista apostou nas entradas de Andrigo e Lucão do Break. Logo em um de seus primeiros lances, o camisa 10 cobrou escanteio fechado e por muito pouco o zagueiro do Londrina não marcou contra. Na resposta da equipe paranaense, Adenílson chutou de fora da área e acertou o travessão.

O Guarani não criou muito na etapa final, mas quando chegou foi cirúrgico para abrir o placar aos 37′. O lance começou em belo passe de Rodrigo Andrade, Régis deixou Bruno Sávio na cara do gol e o atacante, com frieza e categoria, deu um tapa no cantinho esquerdo para marcar o gol. Foi a terceira assistência de Régis na Série B e o quinto gol de Bruno Sávio no campeonato. Com a vantagem, o Bugre baixou as linhas nos minutos finais, gastou as últimas substituições e segurou a vantagem para confirmar a vitória.

  Presidente da Chapecoense morre por complicações Covid – 19

Leia Também:  Timão inicia a preparação para encarar Cuiabá

FICHA TÉCNICA

LONDRINA 0 x 1 GUARANI
Competição: Série B do Campeonato Brasileiro
Rodada: 10ª
Data: 09/07/2021 (sexta-feira)
Local: Estádio do Café, em Londrina (PR).

LONDRINA
César; Ricardo Luz, Marcondes Jr., Augusto e Felipe Vieira (Júnior Pirambu); Tárik (Pedro Cacho), Marcelo Freitas e Adenílson; Caprini (Tiago Orobó), Luiz Henrique e Safira (Juan). Técnico: Roberto Fonseca.

GUARANI
Gabriel Mesquita; Diogo Mateus, Thales, Ronaldo Alves e Bidu; Bruno Silva e Rodrigo Andrade (Índio); Bruno Sávio (Pablo), Régis (Allan Victor) e Julio César (Andrigo); Davó (Lucão do Break). Técnico: Daniel Paulista.

Gol: Bruno Sávio, aos 37′ do segundo tempo.
Renda e público: Portões fechados.
Árbitro: Maguielson Lima Barbosa (DF)
Auxiliares: Lehi Sousa Silva e Lucas Costa Modesto.
Cartões amarelos: Safira (LON); Diogo Mateus e Allan Victor  (GUA)

fonte: https://www.guaranifc.com.br/destaque/guarani-bate-o-londrina-e-vence-segunda-consecutiva-na-serie-b/

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Esportes

São Bento vence Madureira, encerra jejum e vence a 1ª na Série D

Publicados

em


Após oito jogos de jejum, o São Bento-SP, enfim, venceu a primeira na Série D do Campeonato Brasileiro. Neste sábado (31), o Bentão superou o Madureira-RJ por 2 a 1 no estádio Aniceto Moscoso, popularmente conhecido por Comendador Souza, na zona norte do Rio de Janeiro, pela nona rodada da competição.

O clube paulista subiu para oito pontos e voltou a sonhar com uma das quatro vagas do Grupo 7 à segunda fase da Série D. São três pontos de diferença para o Cianorte-PR, quarto colocado e que fecha a zona de classificação, mas que ainda vai a campo pela rodada neste domingo (1º), contra o Santo André-SP, no estádio Albino Turbay, em Cianorte (PR), às 16h (horário de Brasília).

Os cariocas, com 13 pontos, ocupam o terceiro lugar da chave, mas podem ser ultrapassados justamente pelo Cianorte. O Tricolor Suburbano, que encerrou o primeiro turno da fase de grupos invicto, sofreu a segunda derrota consecutiva na competição.

O primeiro tempo foi de poucas emoções, muitos erros de passe, faltas e cartões (foram quatro, sendo três nos primeiros 15 minutos). Na única chance real, aos 17 minutos, o lateral Juninho Monteiro cruzou por baixo, pela esquerda, a bola quicou no gramado irregular e atrapalhou o atacante Índio, que – sem ângulo e na pequena área – acertou a trave esquerda.

Leia Também:  Pela sexta rodada do Brasileirão, Ceará encara o Atlético Mineiro, na Arena Castelão

A etapa final foi diferente. Aos três minutos, o atacante Judson foi lançado na entrada da área pela esquerda, cortou o lateral Léo Barboza, mas arrematou por cima do gol do Madureira. No lance seguinte, Eduardo entrou na área pela esquerda e cruzou rasteiro para o também atacante Sampaio se antecipar à zaga e ao goleiro do São Bento para abrir o placar.

A resposta paulista veio aos 17 minutos. Juninho Monteiro ganhou a disputa de cabeça na área com Anderson Cavalo, mas afastou nos pés do também atacante Kayan, que matou a bola no peito e chutou da linha da área, marcando um golaço. O gol acuou os cariocas e animou os visitantes, que seguiram no ataque e chegaram à virada aos 38 minutos. O atacante Ayrton avançou pela direita, deixando a marcação do Tricolor para trás, e rolou à esquerda, na saída do goleiro, para o meia Kadu – mesmo escorregando – colocar o Bentão à frente.

Nos minutos finais, o técnico do São Bento, Paulo Roberto Santos foi expulso por reclamação e foi até o meio do gramado discutir com o árbitro Marcel Phillipe Santos Martins. Mesmo sem o treinador, a equipe de Sorocaba (SP) conseguiu administrar a vantagem para conquistar a primeira vitória na competição.

Leia Também:  Ginástica e vôlei brasileiros se destacam no primeiro dia da Olimpíada

As duas equipes têm duelos estaduais na próxima rodada da Série D. No sábado que vem (7), às 16h, o São Bento recebe a Portuguesa-SP no estádio Walter Ribeiro, em Sorocaba. No outro domingo (8), às 15h, o Madureira faz o clássico contra o Bangu em Moça Bonita, zona oeste do Rio de Janeiro.

Edição: Márcio Parente

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA