ÁGUA BOA

FALECIMENTO

Jornalista consagrada da Tv Globo e Globo News morre aos 64 anos

Publicado em

GERAL

Cristina Lobo se especializou na cobertura ao vivo da política
A jornalista e colunista de política Cristiana Lôbo morreu nesta quinta-feira (11), em decorrência de um mieloma múltiplo, do qual se tratava havia alguns anos, agravado por uma pneumonia contraída nos últimos dias. Ela tinha 64 anos e estava internada no hospital Albert Einstein, em São Paulo.

Ela deixa marido, Murilo, dois filhos, Gustavo e Bárbara, e dois netos, Antônio e Miguel. Cristiana atuou no jornalismo por mais de 30 anos. Começou a carreira cobrindo a política do estado de Goiás, até se mudar para Brasília.

Contratada pelo jornal “O Globo”, foi setorista do Ministério da Saúde – época em que viu ser criada a carteira de vacinação. Acompanhou de perto também as decisões do Ministério da Educação. Ainda no “Globo”, trabalhou na coluna Panorama Político. Depois de 13 anos no jornal, assumiu a coluna política do jornal o “Estado de S. Paulo”.

A estreia na televisão foi na GloboNews, em março de 1997.[Cristiana Lôbo ao lado dos colegas Dony De Nuccio, Merval Pereira, Renata Lo Prete, Gerson Camarotti e Eduardo Grillo — Foto: Pedro Paulo Figueiredo/Globo]Cristiana Lôbo ao lado dos colegas Dony De Nuccio, Merval Pereira, Renata Lo Prete, Gerson Camarotti e Eduardo Grillo — Foto: Pedro Paulo Figueiredo/Globo

Leia Também:  Dinetec 2022: Bolsonaro participa de chamada ao vivo durante confraternização da Arbaza

Naquele mês, passou a integrar o time de comentaristas do Jornal das Dez – analisando os principais fatos da política e os bastidores do poder. E marcou presença nos telejornais da casa.

Comandou também o programa Fatos e Versões e a coluna os Bastidores da Política, no g1.

Olho no Araguaia – G1
COMENTE ABAIXO:
Propaganda

GERAL

Barco afunda no Rio Araguaia; uma pessoa morreu e seis estão desaparecidas

Publicados

em

Uma pessoa morreu em naufrágio e seis estão desaparecidas no rio Araguaia.

Seis vítimas do naufrágio foram resgatadas com vida na tragédia que abalou a localidade de Barreira de Campo- PA.

Um barco com 12 pessoas naufragou na manhã desta segunda-feira (27), no Rio Araguaia, próximo ao Distrito de Barreira de Campo, no município de Santana do Araguaia-PA.

O naufrágio ocorreu na localidade conhecida como Boca da Campo Alegre, que fica localizado as proximidades de Barreira de Campo.

A voadeira como é conhecida o barco de popa, viajava com 13 pessoas a bordo.

De acordo com as primeiras informações uma pessoa morreu no naufrágio, seis pessoas foram resgatadas com vida e seis estão desaparecidas.

Entre os desaparecidos estão crianças e idosos.

Moradores de Barreira de Campo, que possuem barcos e lanchas fazem uma força tarefa no rio Araguaia, na intenção de encontrar as pessoas desaparecidas. Funcionários da Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Santana do Araguaia, também estão empenhados na procura dos desaparecidos.

Leia Também:  Deputada de MT quer proibir venda de disco de arado para churrasco

Devido às intensas chuvas que tem caído sobre a região no mês de dezembro, o volume de água e a correnteza tem tornado a navegação no rio Araguaia o tanto perigosa.

Uma equipe do Grupamento do Corpo de Bombeiros de Redenção, se deslocou para o local do naufrágio para participar das buscas dos náufragos.

Olho no Araguaia – Via: Giro Cultural

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA