ÁGUA BOA

Mato Grosso

Aplicativo conecta empresários e proprietários rurais aos serviços públicos de Mato Grosso

Publicado em

Mato Grosso


O Governo de Mato Grosso lançou nesta segunda-feira (19.07) o aplicativo MT Empresarial para facilitar o acesso de empresários e proprietários rurais aos serviços públicos do Estado. Com o app é possível monitorar dados das propriedades, solicitar atendimento virtual, sanar dúvidas, agendar visitas, entre outros serviços.

O app, desenvolvido pela Empresa Mato-grossense de Tecnologia da Informação (MTI) em parceria com a RW3 Tecnologia, disponibiliza em um só lugar uma gama de serviços digitais essenciais e relevantes com transparência, agilidade e facilidade com foco na simplificação e desburocratização. O MT Empresarial já está disponível para download de maneira gratuita nas lojas da Google e Apple. Mais informações sobre o app podem ser acessadas em: www.mtempresarial.mt.gov.br.

De acordo com o diretor-presidente da MTI, Antônio Marcos de Oliveira, a solução faz parte da estratégia de Transformação Digital do Governo de Mato Grosso. “O principal objetivo é possibilitar sempre ao cidadão mato-grossense a forma mais rápida e direta de acesso aos serviços do Estado. Esse app é mais um passo no caminho de encurtar distâncias e estreitar os laços entre os serviços públicos e os cidadãos”, afirmou.

Leia Também:  Ganha Tempo recebe mais de 300 litros de álcool gel produzido pela UFMT

Conforme a analista da MTI e gerente do projeto, Sayuri Arake Joazeiro, a ferramenta utiliza o MTI X-Via, plataforma digital que possibilita a troca de informações entre vários órgãos e entidades governamentais, por meio de uma rede segura de interoperabilidade de dados, para ampliar a transparência e prestação de serviços ao cidadão.

Segundo a analista, o MT Empresarial conta com serviços direcionados, ou seja, uma vez autenticado, o usuário acessa serviços públicos personalizados e otimizados para o seu dia a dia com segurança e os seus dados. A analista ressaltou a segurança da ferramenta que conta com uma autenticação segura.

“O MT Empresarial é conectado com o MT Login e permite a identificação do usuário possibilitando o direcionamento de serviços relevantes, bem como a validação de dados cadastrais”.

SERVIÇOS DISPONÍVEIS

A primeira versão do aplicativo digitaliza serviços focados nos proprietários rurais que já são atendidos pela EMPAER (Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural).  Por meio do app será possível:

  • Monitorar dados das propriedades rurais
  • Solicitar atendimento virtual especializado com técnicos da Empaer para sanar dúvidas, agendar visitas técnicas por meio de um chat, entre outros.
  • Acessar perguntas frequentes sobre plantio, culturas, criações e demais assuntos relacionados a agricultura familiar
Leia Também:  Capacitação em gestão pública cultural está com inscrições abertas

Para o presidente da Empaer, Renaldo Loffi, a ferramenta vai facilitar a rotina dos agricultores atendidos e simplificar a vida no campo por meio de uma interação rápida e de fácil manuseio. “O produtor vai interagir com uma equipe composta por técnicos, pesquisadores e profissionais de várias áreas da empresa, aptos a prestarem informações e atendimento”.

Os serviços digitais sempre estarão em constante evolução. À medida que novos forem criados, empresários e proprietários serão notificados dos benefícios via app.

Conforme a Empaer, a ferramenta representa uma otimização dos gastos públicos voltados ao atendimento dos empresários e proprietários rurais, uma vez que facilitará o atendimento a produtores de todo o estado de maneira eficiente e segura.

Com informações da assessoria da Empaer

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Mato Grosso

Preservação de local de crime e balística são temas de palestra em Seminário

Publicados

em


O diretor-geral em substituição legal da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), Emivan Batista de Oliveira, apresentou, nessa quarta-feira (29.07), a palestra ‘Balística e Preservação de Local de Crime’ no 2º Seminário de Patrulhamento Tático, realizado no Hotel Fazenda Mato Grosso, em Cuiabá.

Durante sua apresentação, o diretor pontuou o papel da perícia criminal no processo investigativo, destacando a importância da preservação do local de crime, considerando que, quanto maior o número de vestígios preservados em uma cena de crime, melhor e mais fácil será a resolução do caso. 

De acordo com o parágrafo único do artigo 169 do Código Processo Penal (CPP), quando isso não ocorre, o perito oficial criminal deve registrar no laudo as alterações, bem como as consequências dessas alterações na dinâmica dos fatos. 

O diretor destacou também a necessidade de policiais trabalharem em prol de garantir a preservação do local de ocorrência. “Estamos abertos a dar instruções com mais tempo e mais técnica sobre essa questão, porque, no meu entendimento, os colegas que possuírem esse conhecimento serão muito beneficiados. Com isso nós conseguimos elaborar um laudo pericial muito mais concreto, relatando a veracidade dos fatos e a dinâmica em que ocorreu aquele fato”, disse.

Ainda durante a palestra, Emivan abordou a perícia de balística, que realiza exames em armas de fogo e projéteis. Esses exames são realizados mediante requisição policial ou judicial, buscando responder os quesitos oficiais que compõem o inquérito criminal. 

No âmbito da Politec são realizados Entre esses: exame de identificação de arma de fogo com ou sem elementos identificadores; exame de caracterização de projétil de arma de fogo; exame de caracterização de estojo de munição de arma de fogo; exame de verificação da possibilidade de ocorrência de tiro acidental; entre outros.

No circuito de palestras do 2º Seminário de Patrulhamento Tático, evento que integra a celebração dos 20 anos do Batalhão da Rotam, ainda foram debatidos temas como a Lei de Abuso de Autoridade, sancionada em setembro de 2019; e também sobre o trabalho das Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam-MT), precursora e referência no País em patrulhamento tático.

 *Com supervisão de Tita Mara Teixeira 

 
Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  SES fiscaliza e determina regularização dos serviços prestados por empresa que atua em Rondonópolis
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA