ÁGUA BOA

Mato Grosso

Concurso de redação será lançado pela Seduc-MT durante live nesta quinta-feira

Publicado em

Mato Grosso


A Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT) lança, nesta quinta-feira (10.06), o Concurso de Redação: Estudante on, Redação 1000!. Uma live será realizada a partir das 14h30 para debater o tema escolhido: “A mulher negra e o enfrentamento ao racismo em Mato Grosso”. A live pode ser acompanhada pelo canal da Seduc no YouTube.

Para o debate foram convidadas duas mulheres engajadas nas lutas pelos diretos femininos e contra o racismo, Luciene Carvalho e Cândida Soares.

Luciene Carvalho é escritora e poetisa. Algumas de suas obras são Conta-gotas, Sumo da lascívia, Caderno de Caligrafia, Teia, Insânia, Ladra de Flores e Dona. Estas obras conquistaram prêmios e condecorações. Parte importante do seu trabalho, como declamadora, se faz em shows poéticos em que une figurino, efeitos cênicos e trilhas musicais para oferecer sua poesia viva e colocá-la a serviço da emoção da plateia. Luciene ocupa a cadeira nº 31 da Academia Mato-grossense de Letras.

Cândida Soares é docente na UFMT onde atua no Programa de Pós-Graduação em Educação e coordena o Núcleo de Estudos e Pesquisas Sobre Relações Raciais e Educação (Nepre). É graduada em Letras, mestrado e doutorado em Educação pela Universidade Federal Fluminense-UFF/RJ. No doutorado, foi Bolsista do Programa Internacional de Bolsas de Pós-Graduação da Fundação Ford no período de 2007 a 2008.

Leia Também:  Quatro pessoas são presas por embriaguez ao volante

A mediadora da live será Luana Soares de Souza, representante da Seduc. Luana possui graduação em Letras e mestrado em Estudos de Linguagem pela UFMT. É doutora em Estudos Literários pela Unemat. Faz pesquisas com o enfoque em questões étnico-raciais, negritude e estéticas negras. É servidora pública, atuando na Coordenadoria de Educação do Campo e Quilombola (COCQ), na Superintendência de Diversidades (SUDI), na Secretaria de Estado de Educação de Mato Grosso (Seduc).

Concurso

O concurso é destinado aos estudantes do 3º ano do Ensino Médio e o objetivo é estimulá-los a desenvolverem a escrita do texto dissertativo-argumentativo, as habilidades exigidas pelo Enem e a análise crítica frente aos problemas sociais.

As inscrições serão feitas de 5 a 30 de julho. Para participar, o estudante deve se inscrever no canal do Pré-Enem [email protected] MT no YouTube e assistir às aulas de redação e interpretação de texto: Diferença entre competências e habilidades; Texto dissertativo-argumentativo – introdução; Texto dissertativo-argumentativo: desenvolvimento; e Texto dissertativo-argumentativo: conclusão.

As aulas estão disponíveis na playlist “Inscrição Concurso de Redação”. Após essa etapa, os estudantes terão que preencher o formulário de inscrição com questões relacionadas aos temas tratados nestas aulas.

Leia Também:  Pantanal mato-grossense será destaque em série de reportagens nacionais

O link para o formulário de inscrição será disponibilizado no último vídeo da playlist e estará aberto para preenchimento apenas durante o período de inscrição (5 a 30 de julho).

Os estudantes classificados entre o 11º e o 20º lugar receberão menção honrosa. Do 1º ao 10º, haverá premiação (ainda a ser definida pela Seduc – MT) aos estudantes, aos professores de Língua Portuguesa que os orientaram e à unidade escolar a qual pertencem.

O concurso é organizado pela Superintendência de Educação Básica e Superintendência de Diversidade, ambas da Seduc.

Etapas do concurso

As redações serão avaliadas em três etapas. Na primeira, os professores de Língua Portuguesa da escola em que o estudante está matriculado selecionarão os três melhores textos daquela unidade. Depois, deverão encaminhar esses textos, digitalizados, para a Diretoria Regional de Educação (DRE) à qual pertencem.

Na segunda etapa, equipes das 15 DREs de Mato Grosso avaliarão as redações enviadas pelas escolas e escolherão as três melhores de cada polo.

Por fim, na terceira e última etapa, os textos selecionados pelas Diretorias Regionais serão analisados por avaliadores da sede da Seduc, em Cuiabá.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Mato Grosso

Projeto Olimpus MT: Começamos a colher frutos dos investimentos no Esporte

Publicados

em


Os últimos dias foram de colheita. Ficou comprovado que quando o poder público investe no esporte a resposta é rápida e os resultados aparecem. Arielly Kailayne, Francielly da Silva Marcondes, Lissandra Maysa Campos, Jânio Marcos Gonçalves Varjão e Peterson Santos Ribeiro são atletas mato-grossenses, que irão participar da seleção brasileira de atletismo Sub-20. Todos, bolsistas do nosso Projeto Olimpus, do Governo de Mato Grosso.

Eles representarão não só o nosso Estado, mas o Brasil, na competição que acontece em julho, na cidade de Lima, no Peru.

Lançamos o projeto Olimpus no ano passado e pagamos mensalmente bolsas para atletas em várias categorias. O incentivo financeiro veio em um momento crucial, em ano marcado pela pandemia. Os valores certamente serviram também para que os atletas continuassem sua preparação nas suas respectivas modalidades esportivas de forma efetiva, conseguindo focar nos treinos e garantindo a permanência ativa dos atletas mato-grossenses nas competições.

Não são só esses os resultados positivos. Outra colheita que nos enche de orgulho está acontecendo nesse momento. Dos 24 atletas do Estado que estão participando do Troféu Brasil de Atletismo, 16 são bolsistas do projeto Olimpus. Essa é mais uma prova que a ação do governador Mauro Mendes em destinar recursos públicos para investirmos nas categorias de base e nos atletas profissionais foi acertada.

Leia Também:  CGE dialoga com as setoriais sobre desafios e oportunidades de melhoria da atividade de correição

Nossos 16 bolsistas participam em São Paulo da competição em busca de índices olímpicos para os Jogos de Tóquio-2021. Estamos na torcida para que eles consigam conquistar mais essa façanha, o que nos permitirá ampliar o número de representantes mato-grossenses nas Olimpíadas.

Mas confesso que somente o fato de eles estarem competindo em condições de igualdade e ver o símbolo do projeto em nível nacional já é uma grande realização. E sabe por quê? É simples, esses feitos serão um exemplo para os demais atletas do projeto, para empresários que queiram investir no esporte e para toda a sociedade.

Estamos trabalhando muito, pois sabemos que essas conquistas precisam ser não só divulgadas e difundidas, mas se transformarem em uma realidade comum, em que todos tenham acesso a atividade esportiva, em que os recursos cheguem a mais atletas e de todas as regiões do Estado.

O nosso trabalho de investir nesses garotos e garotas é porque acreditamos que o esporte é capaz de transformar a sociedade e as pessoas. Hoje são 157 atletas contemplados com as bolsas que vão de R$ 250 a R$ 1.600, dependendo da categoria. E, em breve, iremos ampliar o programa, pois sabemos que não é somente o atleta o responsável pelas conquistas. Há que se valorizar também os técnicos, que atuam de forma fundamental nesse processo.

Leia Também:  Colegiado define destinação de 100.860 doses de vacinas contra a Covid-19

Acredito que avançamos muito ao garantir esse investimento que rigorosamente cai na conta desse jovens todos os meses. Mas também sabemos que temos um longo caminho a percorrer até que o acesso aos recursos seja isonômico.

Fica aqui, mais uma vez, meu agradecimento ao governador Mauro Mendes que, ao incentivar as ações como o Projeto Olimpus, demonstra que entende o potencial de transformação social que o esporte representa na vida do mato-grossense. Onde tem esporte, a segurança pública é menos impactada, a saúde é menos utilizada. O esporte realmente transforma vidas.

Muita coisa boa ainda está por vir e vamos continuar o nosso trabalho para transformar Mato Grosso em um celeiro de atletas de alta performance. O que queremos e estamos construído é para propiciar que qualquer garoto ou garota possa sonhar e ter as condições para buscar essa realização. A Secel e o Governo de Mato Grosso acreditam e vão trabalhar cada vez mais em prol de ações efetivas para cada um desses atletas.

Beto Dois a Um – Secretário de Estado de Cultura, Esporte e Lazer

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA