ÁGUA BOA

Mato Grosso

Em um mês, atletas do projeto social da PM ‘Jiu-Jitsu Rotam’ conquistam 29 medalhas em São Paulo

Publicado em

Mato Grosso


Onze atletas do projeto social da Polícia Militar ‘Jiu-jitsu Rotam’ conquistaram 20 medalhas, no Campeonato Brasileiro de Jiu-Jitsu Esportivo (CBJJE), realizado nos dias 16, 17 e 18 de julho, em São Paulo. Em menos de um mês, os alunos da atendidos pela PM, já conquistaram 29 medalhas, em duas competições diferentes.  

O bom desempenho dos 11 atletas treinados por policiais militares no tatame do CBJJE, é considerado um feito histórico, pois das 20 medalhas conquistadas no competição, 10 são de ouro, cinco de prata e cinco de bronze.  

Com as novas medalhas, os alunos acumulam em menos de um mês, 29 medalhas, já que na última semana de junho, eles trouxeram para Mato Grosso nove medalhas conquistadas no Campeonato Sul-Americano de Jiu-Jitsu Esportivo, também em São Paulo.  

Pela primeira vez, a Rotam conseguiu levar uma grande de atletas do projeto, para lutar fora do Estado. Outro feito foi a participação dos atletas no campeonato nas categorias GI e No GI (com quimono e sem quimono), os levando a conquistar duas medalhas na CBJJE.  

Leia Também:  Procon-MT suspende atendimento ao público na tarde de quarta-feira (21)

Dentre os medalhistas estão crianças e adolescentes entre 09 a 17 anos de idade, moradores dos municípios de Várzea Grande e em Cuiabá.   O coordenador do ‘Jiu-Jitsu Rotam’, sargento Roderick Cardoso que acompanhou junto com mais um policial os jovens atletas destaca que os alunos atendidos pela PM, apresentaram um alto nível de rendimento.  

“Essas disputas no CBJJE, exigiram muito preparo físico e emocional dos nossos atletas, a cada desafio, nossos atletas mostraram competência, cada adversário exigia de cada um deles um alto nível técnico, o que foi muito satisfatório e ficamos orgulhosos em fazem destes momentos da vida deles”, conta o sargento e treinador.  

A experiência de viajar para competir e ainda ganhar medalhas no Campeonato Brasileiro de Jiu-Jitsu, marcou a vida dos atletas, pois para a maioria deles, viajar de avião e desembarcar em São Paulo foi uma experiência inesquecível. 

O comandante do Batalhão Rotam, tenente – coronel Paulo Cesar relata que a viagem para São Paulo foi muito especial para os atletas do projeto social, pois além de entrar em um avião pela primeira vez, eles conheceram a atleta brasileira de MMA do UFC, Amanda Lemos.  

Leia Também:  "A pavimentação vai melhorar o turismo, lazer e trazer desenvolvimento para o Araguaia", destaca morador de Araguainha sobre obras da MT-100

“Na hora de embarcar, no Aeroporto Internacional Marechal Rondon, a breve despedida com os familiares, nos emocionou muito. É gratificante fazer parte destes momentos da vida deles e ainda mais satisfatório saber que as famílias confiam na nossa equipe e nos entregam o bem mais precioso deles, que são seus filhos e filhas”, diz o tenente-coronel.  

E o próximo desafio dos atletas do “Jiu –Jitsu Rotam” já está marcado. A próxima competição dos medalhistas será uma outra fase do Campeonato Brasileiro da Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu (CBJJ) que ocorre entre 25 de setembro a 03 de outubro, no estado do Rio de Janeiro.  

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Mato Grosso

Sábado (31): Mato Grosso registra 490.313 casos e 12.773 óbitos por Covid-19

Publicados

em


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde deste sábado (31.07), 490.313 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 12.773 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 671 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 490.313 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 10.696 estão em isolamento domiciliar e 465.327 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 450 internações em UTIs públicas e 280 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 81,97% para UTIs adulto e em 32% para enfermarias adultos.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (99.696), Rondonópolis (34.842), Várzea Grande (32.805), Sinop (23.540), Sorriso (17.156), Tangará da Serra (16.812), Lucas do Rio Verde (14.609), Primavera do Leste (12.990), Cáceres (10.685) e Barra do Garças (9.976).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

Leia Também:  PM recupera Hilux roubada no início do mês em Várzea Grande

O documento ainda aponta que um total de 376.852 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 516 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na sexta-feira (30.07), o Governo Federal confirmou o total de 19.880.273 casos da Covid-19 no Brasil e 555.460 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país tinha 19.839.369 casos da Covid-19 no Brasil e 554.497 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados deste sábado (31.07).

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança.

Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

Leia Também:  Procon-MT suspende atendimento ao público na tarde de quarta-feira (21)

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;
– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;
– Evitar contato próximo com pessoas doentes;
– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;
– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA