ÁGUA BOA

Mato Grosso

Equipes de Sorriso e Nobres são campeãs do futsal nos Jogos Escolares Mato-grossenses

Publicado em

Mato Grosso


Já estão definidos os representantes de Mato Grosso nos Jogos Escolares Brasileiros, da categoria de 12 a 14 anos, na modalidade futsal. A equipe masculina do Centro de Educação Básica São José, de Sorriso, e a feminina da Escola Estadual Mário Abraão Nassarden, do município de Nobres, foram campeãs da fase estadual mato-grossense e garantiram a vaga para a etapa nacional, que será realizada em novembro, no Rio de Janeiro (RJ).

Com a participação de 24 equipes masculinas e mais 12 femininas, as disputas estaduais foram realizadas de 09 a 12 de setembro, no município de Sorriso (MT), marcando a retomada dos Jogos Escolares Mato-Grossenses. Promovida pela Secretaria de Estado de Cultura, Esporte e Lazer (Secel-MT), a competição escolar envolve equipes de instituições de ensino, públicas e particulares, de todo o Estado. 

“Agradecemos a Prefeitura de Sorriso pela parceria na organização do evento. Com esse valioso apoio, conseguimos retomar os Jogos Escolares em Mato Grosso com todos os cuidados de biossegurança e assim vamos fortalecendo o esporte estudantil cada vez mais”, manifesta o titular da Secel, Alberto Machado, o Beto Dois a Um.

Leia Também:  Filhotes de onça-pintada e lobo-guará embarcam para Zoológico de Brasília

Além da testagem de todos os envolvidos, o evento seguiu protocolos de biossegurança para evitar a contaminação por covid-19, como uso obrigatório de máscara, reforço na limpeza dos locais utilizados e acesso aos espaços de competição limitado a atletas e respectivos técnicos. Todas as partidas foram realizadas sem a presença de público.

Premiação equipe feminina – Nobres

Para ser consagrado campeão do futsal, o time masculino da escola de Sorriso venceu as finais por 5 a 0, enfrentando a Escola Estadual Cora Coralina, de Comodoro. Já a equipe escolar de Nobres, que foi campeã feminina, disputou as finais contra a Escola Estadual Manoel Gomes, de Várzea Grande, vencendo por 6 a 1.

Na próxima quinta-feira (16.09) começa a etapa estadual da modalidade handebol, da mesma faixa etária – de 12 a 14 anos. O evento será sediado em Campo Verde, município que fica a 130 km da capital, Cuiabá.

A partir deste ano, os estudantes de 12 a 14 anos participam dos Jogos Escolares Mato-grossenses, cuja fase estadual é a única classificatória para os Jogos Escolares Brasileiros, organizados pela Confederação Brasileira de Desporto Escolar (CBDE), com suporte da Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania. Os alunos da faixa etária de 15 a 17 anos disputam os Jogos Estudantis de Seleções Mato-Grossenses, que terão início em outubro.

Leia Também:  Primeira-dama de MT participa de inauguração do ‘Núcleo Florescer’ do projeto Chita & Fuxico
Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Mato Grosso

Seduc e Sintep debatem retorno das aulas, contratações e processo de atribuição

Publicados

em


A volta às aulas na modalidade híbrida foi tema de reunião entre a Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT) e representantes do Sindicato dos Trabalhadores no Ensino Público de Mato Grosso (Sintep-MT). O secretário de Estado de Educação, Alan Porto, apresentou as medidas adotadas e os investimentos feitos pelo Governo do Estado para garantir o retorno seguro para profissionais e estudantes.

Foram abordados temas como o funcionamento das escolas, medidas de biossegurança, plano de contingência, além dos processos seletivo e de atribuição dos professores para o próximo ano, chamamento do cadastro de reserva do concurso de 2017 e ações para melhorar a educação e garantir a recuperação da aprendizagem dos estudantes. O Sintep apresentou sugestões que serão avaliadas pela Seduc.

Essa é a primeira de uma série de reuniões que serão realizadas entre a Seduc e o Sintep. Foi definido que as reuniões serão por temas. O secretário Alan Porto reforçou que a Seduc está aberta ao diálogo e que o objetivo da reunião foi sanar todas as dúvidas sobre o retorno das aulas.

Processos seletivo e de atribuição

A secretária-adjunta de Gestão de Pessoas, Flávia Emanuelle de Souza Soares tirou dúvidas sobre os processos seletivo e de atribuição para o próximo ano. Destacou que após uma consulta à rede, foi identificado que o processo seletivo é uma reivindicação da maioria. A Seduc já está trabalhando no edital.

Leia Também:  Inscrições para Circuito Empreendedor de Alta Floresta estão abertas

Quanto ao processo de atribuição, a portaria será publicada nos próximos dias. Entre as mudanças, está a antecipação do início da atribuição para o mês de outubro de forma que até o final do ano, antes do recesso escolar, os profissionais já estejam atribuídos e saibam onde vão atuar no próximo ano.

Além disso, a atribuição passará a ser totalmente online e deixará de contar com os certificados para somar pontos. A decisão é para evitar fraudes com a apresentação de certificados falsos. “São soluções de gestão para incluir qualidade na educação”, enfatiza a secretária.

Concurso público

Foi reafirmado ao Sintep que o chamamento de 141 professores de área do Concurso de 2017, por polo, já está adiantado, aguardando apenas autorização da Secretaria de Estado de Planejamento (Seplag). São profissionais do cadastro de reserva, uma vez que todos os aprovados já foram chamados.

Biossegurança

O secretário Alan Porto esclareceu todas as medidas de biossegurança adotadas para o retorno seguro, com ampliação de recursos para as escolas, além da criação do plano de contingência, junto com a Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT), para casos de suspeita ou confirmação de Covid-19 nas unidades.

Leia Também:  Sexta-feira (24): Mato Grosso registra 534.111 casos e 13.762 óbitos por Covid-19

Enfatizou que os casos suspeitos e confirmados são acompanhados diariamente pela Seduc, por meio do sistema Indica-SUS.

Secretária adjunta de Gestão de Pessoas reforçou que o Programa de Educação para Redução do Absenteísmo (ERA) também está focado no pós-covid, acompanhando os profissionais com atendimento psicológico, de educador físico e outros atendimentos necessários.

Investimentos

Alan Porto fez, ainda, uma explanação dos recursos que estão sendo investidos em infraestrutura física e tecnológica, e na área pedagógica. São R$ 936 milhões do Programa Mais MT.

O secretário reforçou que todas as obras paralisadas da educação, em gestões anteriores, estão sendo retomadas pelo atual governo e serão concluídas.

Até o final de 2022, serão 35 novas escolas, 40 unidades reformadas e ou ampliadas, mais de 300 unidades climatizadas, mais de 30 novas quadras poliesportivas, manutenção em mais de 380 escolas.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA