ÁGUA BOA

Mato Grosso

Forças de segurança apreendem mais de 11 toneladas de drogas em Mato Grosso

Publicado em

Mato Grosso


A apreensão de drogas teve um salto expressivo em Mato Grosso de 2020 a 2021. As forças de segurança apreenderam mais de 11 toneladas de drogas, no primeiro semestre de 2021, um aumento de 103% em relação ao montante do mesmo período de 2020, que foi de 5,7 toneladas. O número exato apreendido entre janeiro e junho deste ano foi 11.692,66 kg.

Os dados são da Superintendência do Observatório de Segurança Pública, vinculada à Adjunta de Inteligência da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT). Na especificação por tipo de entorpecente, a maioria (5,9 toneladas) é maconha, seguido de cocaína (4,2 toneladas), depois de pasta base (1,4 toneladas) e o restante (0,707 kg) corresponde ao crack.

Já no levantamento por Região Integrada de Segurança Pública (Risp), a de Cuiabá (Risp 1) foi a que teve a maior apreensão de drogas, com 4.018,3 kg. Na Risp 6, de Cáceres, foi registrada a segunda maior quantidade de entorpecente: 1.351,7 kg, e na Risp 10, de Primavera do Leste, foram apreendidos 1.298 kg.

Leia Também:  Novo comandante assume o Batalhão Rotam

O estudo também mostrou que as forças de segurança do estado apreenderam 5.472,21 kg nos seis primeiros meses de 2019.

Para o secretário de Estado de Segurança Pública, Alexandre Bustamante, o aumento significativo é resultado do trabalho cada vez mais integrado e especializado.

“Tudo isso é reflexo do investimento nas forças de segurança feito pelo Governo do Estado, tanto em capacitação dos profissionais, mais qualidade nas investigações e no policiamento ostensivo. O trabalho dos policiais é diuturno e demonstra a capacidade de atuação na retirada de drogas de circulação, o que resulta na redução de outros crimes praticados no estado também”, frisa.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Mato Grosso

Primeira-dama de MT participa de inauguração do ‘Núcleo Florescer’ do projeto Chita & Fuxico

Publicados

em


Neste sábado (25.09) aconteceu a inauguração do segundo núcleo de produção formal do Chita & Fuxico da BPW, que tem como embaixadora do projeto a primeira-dama do Estado, Virginia Mendes. O Núcleo Florecer foi instalado no instituição Seara de Luz, no bairro Liberdade, em Cuiabá.

O objetivo do núcleo é ser um espaço que receba mulheres em situação de vulnerabilidade social, para dar qualificação a elas através da costura, tendo como principais elementos a chita e o fuxico, gerando renda as assistidas. Outro objetivo também é fazer do projeto ‘Chita & Fuxico’ uma grife regional, com projeção para o mercado da moda em nível nacional e internacional. Esse é o segundo núcleo instalado, tendo como primeiro o Núcleo Flor Ribeirinha, localizado no Quintal da Domingas no bairro São Gonçalo Beira Rio.

“É gratificante receber esse projeto e sermos prestigiadas pela primeira-dama Virginia Mendes aqui no Seara de luz. Esse projeto ampara as mulheres em situação de vulnerabilidade social. É uma oportunidade de trabalho e de qualificação profissional de “ensinar a pescar”, e é isso que a gente quer, criar maneiras para que as pessoas caminhem com as suas próprias pernas e saiam da exclusão”, contou Elione Fátima, presidente da Seara de Luz.

Leia Também:  Operação Integrada Ordem Pública cumpre 14 mandados de prisão e 17 de busca e apreensão

A inauguração de hoje uniu a força dos projetos Chita & Fuxico e a MT Mamma – Amigos do Peito, que já reforça a importância da Campanha Outubro Rosa 2021. Juntos, os dois projetos criaram a coleção ‘Mamma&Chita’, que traz uma edição limitada de camisetas e máscaras da campanha Outubro Rosa customizada pelas mulheres ribeirinhas assistidas pelo projeto. Essa união irá proporcionar renda em prol das pessoas em tratamento e pós-tratamento do câncer de mama e de mulheres ribeirinhas em situação de vulnerabilidade social, já que o valor arrecado na venda será dividido entre os dois projetos.

Durante a inauguração aconteceu o desfile da coleção ‘Mamma&Chita’ que mostrou a edição limitada das camisetas da MT Mamma customizadas. A primeira-dama de Mato Grosso abriu o desfile acompanhada por sua filha, Maria Luiza.

“A Virginia Mendes veio abrilhantar o nosso desfile, entrando com a sua filha Maria Luiza. Esse gesto reforça a importância dos dois projetos e fortalece as nossa ações”, disse Zilda Zompero, coordenadora da comissão de responsabilidade social da BPW.

“Estou muito feliz por fazer parte desses projetos! É a união de duas causas extremamente importantes que dá forças para as mulheres que lutam contra o câncer e também às mulheres que precisam de uma renda para manterem o seu lar. Me sinto honrada por estar aqui e poder contribuir com essas ações”, disse a primeira-dama de Mato Grosso.

Leia Também:  Novo comandante assume o Batalhão Rotam

Para a diretora administrativa da MT Mamma, Margarete Torres é muito importante ter o apoio da primeira-dama Virginia Mendes na união desses ações. “A primeira-dama representa todas as mulheres do Estado, para nós é uma honra termos o apoio dela nesse projeto, porque ela sabe a importância da causa social e da ajuda ao próximo. É uma mulher que faz a diferença, que é voluntária e que faz realmente as coisas acontecerem. A Virginia Mendes tem o poder de sensibilizar as pessoas e isso é muito importante para as causas sociais”, ressaltou Margarete.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA