ÁGUA BOA

Mato Grosso

Governo deposita auxílio para custeio de internet e aquisição de notebooks para professores

Publicado em

Mato Grosso


O Governo de Mato Grosso, por meio da Secretaria de Estado de Educação (Seduc-MT), realiza nesta quinta-feira (10.06) o repasse da primeira parcela de R$ 70,00 para professores da rede de ensino estadual em exercício da função custuarem planos de internet. O 3º lote de servidores contemplados com R$ 3,5 mil para aquisição de notebook (confira a lista aqui) também será creditado. Nesta etapa, a grande maioria dos beneficiados são de escolas indígenas.

Desde o início do “Programa de Aquisição de Notebooks e Custeio de Internet”, 17.915 professores já receberam em suas contas pessoais o valor para aquisição de um computador portátil.

Só para a compra dos computadores os repasses do Governo do Estado já somam R$ 62.702.500,00. Somando com o primeiro repasse para a internet, no valor de R$ 976.570,00, os investimentos chegam a R$ 63.679,070.

O secretário de Educação, Alan Porto, ressalta que o programa tem como objetivo principal ajudar os professores que estão em sala de aula, no ensino não presencial. “O Governo está garantindo a cada profissional um computador e três anos de internet paga. É mais um esforço do governo que já mostrou que a educação é prioridade”.

Leia Também:  Corpo de Bombeiros e Sema iniciam queimas prescritas e aceiros no Parque Encontro das Águas, no Pantanal

O secretário ainda destaca que além de ajudar neste momento de aulas não presenciais, o computador será do professor e vai continuar sendo um instrumento de trabalho quando o ensino voltar na modalidade híbrida.

“Tenho conversado com muitos professores no interior do Estado e é grande a alegria de serem contemplados com um programa inédito, que garante o instrumento de trabalho. Com investimentos previsto de quase R$ 1 bilhão, em infraestrutura, tecnologia e na área pedagógica, a educação vai avançar cada vez mais em Mato Grosso. Nossa meta é ter os melhores índices do Brasil”.

Internet

Como garantido no lançamento do programa governamental, no final de março deste ano, o Governo do Estado vai garantir o pagamento de internet por três anos a todos os professores que comprarem o computador portátil.

O valor individual é de R$ 70,00. Serão 36 parcelas que vão totalizar R$ 2.520,00 para cada servidor.

Prestação de Contas

Após a compra do notebook, os servidores têm 60 dias para prestar conta, por meio de apresentação de cópia da nota fiscal na secretaria escolar e assinatura de um termo de aquisição. 

Leia Também:  PMMT colabora com estudos sobre padronização da instrução de tiro continuada da Senasp

Os profissionais da educação que quiserem devolver o crédito deverão fazê-lo por meio de depósito ou transferência bancária: agência 3834-2 e conta 5395-3 (Seduc-Fundeb). Não é permitida a devolução do recurso por meio de Documento de Arrecadação (DAR). 

Mais prazo

A Seduc prorrogou, até o dia 30 de junho, o prazo para os beneficiados do primeiro lote prestarem conta da compra do notebook. Para os professores que receberam no 2º lote, no dia 3 de maio, e os que recebem hoje, o prazo continua de 60 dias.

Dúvidas devem ser encaminhadas para o e-mail: [email protected]

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Mato Grosso

Obra do Hospital Regional de Sorriso avança e enfermarias já começam a ser mobiliadas

Publicados

em


A obra de ampliação da ala Covid-19 no Hospital Regional de Sorriso está avançando; serão 20 novos leitos de enfermaria e 10 leitos de UTI na unidade. A ala ainda integrará 20 leitos de enfermaria Covid-19 que já funcionavam na unidade, mas que serão realocados à nova estrutura.

A previsão é de que a ampliação seja concluída em julho, quando os leitos entrarão em funcionamento. As enfermarias já começaram a ser mobiliadas.

“Estive no Hospital Regional de Sorriso na semana passada e nesta sexta-feira voltei para supervisionar o andamento da obra. Estamos acompanhando de perto essa ampliação e trabalhamos muito para que esses leitos Covid-19 entrem em funcionamento o quanto antes”, disse o secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, durante supervisão presencial à unidade.

Conforme análise da Superintendência de Obras da Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT), a ampliação do Hospital Regional de Sorriso está 90% concluída. Mesmo com a dificuldade da indústria em fornecer os materiais de construção civil, os procedimentos estão avançando. 

Leia Também:  Santo Antônio comemora 121 anos com nova unidade do Corpo de Bombeiros

“Como o hospital está em funcionamento, essa obra ocorre por etapas. A primeira fase da obra deveria ter sido entregue em abril, se não houvesse a necessidade de adequação às normas de biossegurança frente à pandemia pela Covid-19, que exige a compra de materiais específicos. Porém, a obra está avançando”, concluiu a superintendente de obras da SES-MT, Mayara Galvão.

O prazo final para a conclusão da última etapa da ampliação é agosto de 2021. Nesta fase, haverá a ampliação do pronto atendimento e da recepção do Hospital Regional. Já a fase de modernização será iniciada a partir do mês de agosto. 

É importante destacar que o Hospital Regional está em pleno funcionamento e que não há prejuízo aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS).

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA