ÁGUA BOA

Mato Grosso

Lei Seca prende mais 15 pessoas neste fim de semana

Publicado em

Mato Grosso


Em mais uma operação Lei Seca realizada neste fim de semana na capital, 15 pessoas foram presas por dirigirem veículo automotor sob efeito de álcool. Desta vez, a ação ocorreu no bairro São Matheus, na madrugada deste domingo (12.09). Esta foi a 43ª edição da Lei Seca que, além de flagrar os motoristas descumprirem o Art. 306 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), resultou em 71 Autos de Infração de Trânsito (AITs).

Deste total, 28 foram por condução de veículo sob efeito de álcool; sete por recusa a realizar o teste de alcoolemia; 14 por condução de veículo sem possuir Carteira Nacional de Habilitação (CNH); 11 por condução de veículo sem registro ou não licenciado; e 11 por outros motivos.

Ao todo, foram realizados 90 testes de alcoolemia. A operação resultou ainda na autuação de 42 veículos e remoção de 40, sendo 27 carros e 13 motocicletas. Entre os documentos recolhidos, constaram 21 CNHs e um Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV).

Leia Também:  Produção de lavoura experimental de nova variedade de banana da terra desperta interesse

Seis Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCOs) foram lavrados, em função do descumprimento do Art. 32 da Lei de Contravenções Penais (LCP), ou seja, motoristas não habilitados que não ofereciam risco no momento da notificação.

Sob coordenação do Gabinete de Gestão Integrada (GGI) da Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp-MT), a Lei Seca contou com a participação da Polícia Militar (PM-MT), por meio do Batalhão de Trânsito (BPMTRAN); Polícia Judiciária Civil (PJC-MT), por meio da Delegacia Especializada em Delitos de Trânsito (Deletran); Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT); Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana de Cuiabá (Semob) e Serviço de Operações Especiais (SOE) do Sistema Penitenciário.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Mato Grosso

Busca por serviços presenciais no Detran-MT deve reduzir em até 90%

Publicados

em


Com a ampliação dos serviços do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MT) de forma online, através do aplicativo MT Cidadão, a expectativa do órgão é reduzir em até 90% a procura pelos serviços de maneira presencial.

São mais de 15 serviços na área de habilitação e veículos que já estão disponíveis no MT Cidadão para toda a população mato-grossense. Entre eles estão: abertura do processo de transferência de propriedade, primeiro emplacamento, mudança de município, segunda via do CRV, troca para placa Mercosul, inclusão de financiamento, baixa de financiamento, intenção de venda e cancelamento da intenção de venda, abertura de requerimento para atividade remunerada (EAR), requerimento para condutor PCD e emissão de certidão do condutor.

Conforme o presidente do Detran-MT, Gustavo Vasconcelos, a ampliação dos serviços no aplicativo é apenas o início de um processo de modernização para tornar a Autarquia cada vez mais digital.

Mesmo na modalidade online, o Detran-MT reforça que, para concluir os serviços de troca para placa Mercosul, mudança de município e transferência de propriedade é necessária a realização de vistoria veicular, que deve ser agendada através do próprio aplicativo.

Leia Também:  Ações e programas da Sedec serão temas de palestra em Aripuanã

Há mais de 1 ano, o Detran-MT já havia disponibilizado de forma online os serviços de renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e a emissão do Licenciamento do veículo. Na atualização do aplicativo MT Cidadão foram realizadas melhorias e atualizações no serviço de renovação da CNH.

Os dois serviços eram muito procurados de forma presencial nas unidades do Detran e, desde que foram disponibilizados de forma online, a demanda de atendimento presencial para esses serviços reduziu drasticamente nas unidades em todo Estado.

“A tendência é que as pessoas busquem cada vez mais serviços de forma online, pela comodidade e praticidade de não ter que sair da sua rotina e nem deslocar a unidades do Detran”, comentou o presidente da Autarquia, Gustavo Vasconcelos.

O aplicativo MT Cidadão foi desenvolvido pela Empresa Mato-Grossense de Tecnologia da Informação (MTI) e disponibiliza, em uma mesma plataforma, diversos serviços digitais para uso do cidadão.

O MT Cidadão está disponível para download gratuito nas principais lojas de aplicativos.

Leia Também:  Orçamento anual de 2022 será debatido em audiência pública na segunda-feira (27)

Serviços presenciais  

Alguns serviços do Detran-MT ainda permanecem na modalidade presencial, tais como: abertura do processo para primeira CNH, mudança e adição de categoria da habilitação, processo de transferência de CNH de outro Estado, registro de estrangeiro, alteração de dados cadastrais (nome, nome de mãe, número de CPF) que precisam ser informados ao Denatran, além da vistoria veicular, comunicação de venda, alteração de característica do veículo, regravação e substituição de motor, regravação de chassi, recurso de infrações.

Lembrando que, para fazer algum dos serviços elencados acima, é necessário o agendamento para atendimento presencial, que deve ser realizado pelo site do Detran (www.detran.mt.gov.br).

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA