ÁGUA BOA

Mato Grosso

Pantanal mato-grossense será destaque em série de reportagens nacionais

Publicado em

Mato Grosso


Recuperado dos impactos dos incêndios florestais registrados no ano passado, o Pantanal mato-grossense voltar a ser destaque nacional por suas belezas naturais, fauna, flora e ecoturismo. Esta semana, o empresário e apresentador Álvaro Garnero esteve na região para registrar passeios turísticos que contemplam a observação de onças, ariranhas, jacarés, aves e sobrevoos na Transpantaneira, sentido Poconé (104 Km de Cuiabá). Garnero também é embaixador do Turismo no Brasil.

“Conheci o Estado há pouco, fui muito bem tratado e estou me surpreendendo com todos os lugares. Agradeço ao Governo de Mato Grosso por contribuir com uma sessão de programas espetaculares que serão exibidos a partir de agosto. O turismo agradece e o Estado tem condições de ser o número um no ecoturismo”, destacou o apresentador, em vídeo postado em suas redes sociais.

O roteiro incluiu também voo de paramotor, sobrevoos nos paredões de Chapada dos Guimarães, região do Manso, Nobres (visita ao Mirante do Cerrado e flutuação no Aquário Encantado), Nova Mutum (visita às plantações de milho), além de gravações da expedição em Mato Grosso do Sul. O turismo no Pantanal será exibido no segundo semestre deste ano no quadro “50 por 1: O Paraíso do Mundo”, do programa Domingo Espetacular (Rede Record de Televisão).

Leia Também:  Quatro pessoas são presas por embriaguez ao volante

A visita foi conduzida pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sedec-MT), Casa Militar e apoio de mais de 50 parceiros, disponibilizando apoio logístico nas cidades e atrativos.

“O Álvaro é um importante representante do turismo no Brasil, foi nomeado pelo Ministério do Turismo e a vinda dele é muito positiva. Ele ficou encantado com o que viu e essa resposta é muito importante para que outras pessoas de outros lugares do Brasil conheçam e tenham noção das nossas riquezas”, destacou o secretário adjunto de Turismo da Sedec, Jefferson Moreno.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Mato Grosso

Sábado (12): Mato Grosso registra 427.572 casos e 11.390 óbitos por Covid-19

Publicados

em


A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) notificou, até a tarde deste sábado (12.06), 427.572 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, sendo registrados 11.390 óbitos em decorrência do coronavírus no Estado.

Foram notificadas 1.001 novas confirmações de casos de coronavírus no Estado. Dos 427.572 casos confirmados da Covid-19 em Mato Grosso, 13.788 estão em isolamento domiciliar e 400.171 estão recuperados.

Entre casos confirmados, suspeitos e descartados para a Covid-19, há 478 internações em UTIs públicas e 352 em enfermarias públicas. Isto é, a taxa de ocupação está em 90,19% para UTIs adulto e em 39% para enfermarias adulto.

Dentre os dez municípios com maior número de casos de Covid-19 estão: Cuiabá (89.250), Rondonópolis (31.210), Várzea Grande (29.177), Sinop (20.758), Sorriso (14.750), Tangará da Serra (14.607), Lucas do Rio Verde (13.090), Primavera do Leste (10.954), Cáceres (9.221) e Alta Floresta (8.131).

A lista detalhada com todas as cidades que já registraram casos da Covid-19 em Mato Grosso pode ser acessada por meio do Painel Interativo da Covid-19, disponível neste link.

Leia Também:  Governo recebe sindicatos para ouvir demandas

O documento ainda aponta que um total de 345.418 amostras já foram avaliadas pelo Laboratório Central do Estado (Lacen-MT) e que, atualmente, restam 787 amostras em análise laboratorial.

Cenário nacional

Na sexta-feira (11.06), o Governo Federal confirmou o total de 17.296.118 casos da Covid-19 no Brasil e 484.235 óbitos oriundos da doença. No levantamento do dia anterior, o país contabilizava 17.210.969 casos da Covid-19 no Brasil e 482.019 óbitos confirmados de pessoas infectadas pelo coronavírus.

Até o fechamento deste material, o Ministério da Saúde não divulgou os dados atualizados deste sábado (12.06).

Recomendações

Já existem vacinas para prevenir a infecção pelo novo coronavírus, mas ainda é importante adotar algumas medidas de distanciamento e biossegurança.

Os sites da SES e do Ministério da Saúde dispõem de informações oficiais acerca da Covid-19. A orientação é de que não sejam divulgadas informações inverídicas, pois as notícias falsas causam pânico e atrapalham a condução dos trabalhos pelos serviços de saúde.

O Ministério da Saúde orienta os cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o novo vírus. Entre as medidas estão:

Leia Também:  Sábado (12): Mato Grosso registra 427.572 casos e 11.390 óbitos por Covid-19

– Lavar as mãos frequentemente com água e sabão por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabão, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;

– Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;

– Evitar contato próximo com pessoas doentes;

– Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo;

– Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA