ÁGUA BOA

Mato Grosso

Secretária de Meio Ambiente de Mato Grosso é reconduzida à presidência da Abema

Publicado em

Mato Grosso


A secretária de Meio Ambiente de Mato Grosso, Mauren Lazzaretti, e o Secretário de Meio Ambiente do Amazonas, Eduardo Taveira, são a presidente a o vice-presidente da gestão 2021-2023 da Associação Brasileira de Entidades Estaduais de Meio Ambiente (Abema) eleitos por unanimidade em assembleia geral, realizada nesta terça-feira (29.06), por videoconferência.

Passam a integrar o Conselho diretor do biênio a secretária-geral, Márcia Cristina Telles de Araújo Lima (INEMA/BA), o 1º secretário Marcos Rodrigues Penido (SIMA/SP) e o 2º secretário, Leonlene Aguiar (IDEMA/RN).

Reconduzida à presidência, Mauren Lazzaretti agradeceu a todos pela colaboração na condução da Abema, e afirma que o objetivo é continuar o trabalho de fortalecimento da Abema e a discussão das pautas ambientais dos Estados.

“Todo esse trabalho foi desenvolvido não só pelos que compuseram a diretoria, mas os grupos de trabalho que se dedicaram para fortalecer a discussão e ampliar a participação dos Estados de forma cada vez mais ativa. Renovamos nosso compromisso de conduzir a Abema com união e manter os Estados fortalecidos”, avalia a presidente.

Como destaque da gestão a presidente elenca o fortalecimento institucional da Abema que aponta a importância dos órgãos estaduais como gestores de mais de 90% das políticas ambientais, e a participação na Conferência do Clima (COP-25), que ajudou a mostrar para o mundo as ações de preservação e produção sustentáveis nos estados.

Leia Também:  Codem aprova investimentos de R$ 387 milhões em linhas de crédito para produtores rurais e empresários de MT

O vice-presidente eleito, Eduardo Taveira, afirma que o principal legado é o consenso alcançado, como uma marca de que a gestão está no caminho certo. Para ele, a Abema é um espaço que vai além do seu papel institucional, onde os gestores podem compartilhar as angústias e encontrar soluções conjuntas para as questões dos estados. “Queremos aprofundar a participação de todas as regiões nos trabalhos afetos às suas áreas de atuação, como o licenciamento, e a capacidade de fiscalização”, explica.

Durante a assembleia também foram aprovadas por unanimidade as contas da gestão 2019-2020.

Confira a diretoria completa da Abema para o biênio 2021-2023:

Conselho Diretor

Presidente: Mauren Lazzaretti (MT/SEMA)
Vice-Presidente Executivo: Eduardo Costa Taveira (AM/SEMA)
Secretário-Geral: Márcia Cristina Telles de Araújo Lima (BA/INEMA)
1º Secretário: Marcos Rodrigues Penido (SP/SIMA)
2º Secretário: Leonlene Aguiar (RN/IDEMA)

Vice-presidências Regionais

NORTE: José Mauro de Lima O’de Almeida (PA/SEMAS)
NORDESTE: Artur José Vieira Bruno (CE/SEMA)
CENTRO-OESTE: Mauren Lazzaretti (MT/SEMA)
SUL: Everton Luiz da Costa Souza (PR/IAT)
SUDESTE: Alaimar Ribeiro Rodrigues Fiuza (ES/IEMA)

Leia Também:  Sema realiza oficina pública em Diamantino para discutir plano de recursos hídricos

Coordenação por Bioma

CERRADO: Marcílio Leite Lopes (RO/SEDAM)
MATA ATLÂNTICA: Marília Carvalho de Melo (MG/SEMAD)
AMAZÔNICO: Ionilson Sampaio de Souza (RR/FEMARH)
CAATINGA: José Antônio Bertotti Júnior (PE/SEMAS)

Conselho Fiscal

Titulares: Fabricio Hérick Machado (ES/SEAMA), Miyuki Hyashida (TO/SEMARH), Carlos Alberto Mendes Júnior (CE/SEMACE), Ailton Francisco da Rocha (SE/SEDURBS0)
Suplentes: Leonardo Schorcht Bracony Porto Ferreira (SC/SDE/SEMA) e Juliano Marcos Valente de Souza (AM/IPAAM)

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Mato Grosso

Preservação de local de crime e balística são temas de palestra em Seminário

Publicados

em


O diretor-geral em substituição legal da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec), Emivan Batista de Oliveira, apresentou, nessa quarta-feira (29.07), a palestra ‘Balística e Preservação de Local de Crime’ no 2º Seminário de Patrulhamento Tático, realizado no Hotel Fazenda Mato Grosso, em Cuiabá.

Durante sua apresentação, o diretor pontuou o papel da perícia criminal no processo investigativo, destacando a importância da preservação do local de crime, considerando que, quanto maior o número de vestígios preservados em uma cena de crime, melhor e mais fácil será a resolução do caso. 

De acordo com o parágrafo único do artigo 169 do Código Processo Penal (CPP), quando isso não ocorre, o perito oficial criminal deve registrar no laudo as alterações, bem como as consequências dessas alterações na dinâmica dos fatos. 

O diretor destacou também a necessidade de policiais trabalharem em prol de garantir a preservação do local de ocorrência. “Estamos abertos a dar instruções com mais tempo e mais técnica sobre essa questão, porque, no meu entendimento, os colegas que possuírem esse conhecimento serão muito beneficiados. Com isso nós conseguimos elaborar um laudo pericial muito mais concreto, relatando a veracidade dos fatos e a dinâmica em que ocorreu aquele fato”, disse.

Ainda durante a palestra, Emivan abordou a perícia de balística, que realiza exames em armas de fogo e projéteis. Esses exames são realizados mediante requisição policial ou judicial, buscando responder os quesitos oficiais que compõem o inquérito criminal. 

No âmbito da Politec são realizados Entre esses: exame de identificação de arma de fogo com ou sem elementos identificadores; exame de caracterização de projétil de arma de fogo; exame de caracterização de estojo de munição de arma de fogo; exame de verificação da possibilidade de ocorrência de tiro acidental; entre outros.

No circuito de palestras do 2º Seminário de Patrulhamento Tático, evento que integra a celebração dos 20 anos do Batalhão da Rotam, ainda foram debatidos temas como a Lei de Abuso de Autoridade, sancionada em setembro de 2019; e também sobre o trabalho das Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam-MT), precursora e referência no País em patrulhamento tático.

 *Com supervisão de Tita Mara Teixeira 

 
Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  "MT democratiza acesso a crédito e atrai cada vez mais empresários, empregos e renda", afirma Cesar Miranda
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA