ÁGUA BOA

Policial

Polícia Civil autua escrivão por violência doméstica e posse e porte ilegal de arma e munições

Publicado em

Policial


Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil, por meio do Plantão de Vítimas de Violência Doméstica e Sexual de Cuiabá e a Corregedoria Geral, prendeu em flagrante nesta terça-feira (20.07) um escrivão de polícia pelos crimes de ameaça no âmbito da Lei Maria da Penha, porte ilegal e posse irregular de armas de fogo e munições de uso restrito e permitido. 

As investigações que resultaram na prisão do policial inciaram na tarde de segunda-feira (19), quando a convivente do escrivão procurou o Plantão de Vítimas de Violência Doméstica relatando que vinha sofrendo ameaças do companheiro. Após o relato dos fatos, a vítima optou por representar contra o policial e requereu medidas protetivas de urgência. 

Por se tratar de ocorrência envolvendo policial civil, uma equipe da Corregedoria foi acionada e fez o acompanhamento das diligências realizadas pelos policiais do plantão na residência do escrivão, onde foi feita a retirada dos pertences pessoais da vítima. Dois delegados corregedores acompanharam os trabalhos. 

No endereço, as equipes encontraram o escrivão no hall do prédio e foi solicitado pelos policiais da Corregedoria que ele entregasse a arma que portava. No interior do apartamento foram encontradas várias armas de fogo de diferentes calibres, munições, peças e apetrechos de armas, sendo todo material apreendido. 

Leia Também:  Investigado por estupro de criança de seis anos é preso pela Polícia Civil na zona rural de Poxoréu

Também foram realizadas buscas em uma viatura que estava com o policial e foram encontradas no porta-malas mais munições, armas de diferentes calibres e caixas com peças de armas. 

Todo o material foi apreendido e o policial encaminhado ao Plantão de Vítimas de Violência Doméstica e Sexual de Cuiabá, onde após ser interrogado, foi autuado em flagrante pelos crimes de ameaça, porte ilegal e posse irregular de arma de fogo e munições de uso restrito e permitido.

Ele será encaminhado para audiência de custódia da Justiça.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Policial

Polícia Civil e ANP fiscalizam quatro postos de combustíveis em Cuiabá e Várzea Grande

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

Quatro postos de combustíveis de Cuiabá e Várzea Grande foram alvo de mais uma fiscalização realizada, nesta quarta-feira (04.08), pela Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Defesa do Consumidor (Decon) e Agência Nacional de Petróleo (ANP).

Os postos fiscalizados foram selecionados a partir de denúncias apresentadas por consumidores à Polícia Civil e à ANP. Durante a fiscalização conjunta, uma bomba de combustível de um dos posto, localizado no bairro Quilombo, na Capital, foi lacrada por apresentar bico com vazão de 80 ml a menos de combustível a cada 20 litros, causando prejuízo para os consumidores.

Diante do fato, o estabelecimento foi autuado pela ANP, e a Polícia Civil vai instaurar procedimento investigatório para apurar se houve ou não a adulteração dolosa do equipamento.

Se constatada adulteração dolosa da vazão de bicos de combustível ou da qualidade dos produtos à venda, os representantes legais dos postos de combustível podem responder por crime contra a economia popular ou contra as relações de consumo, com penas que podem chegar aos 5 anos de prisão ou multa.

Leia Também:  Suspeito de estupro de vulnerável em Várzea Grande tem prisão cumprida em Tangará da Serra

Fiscalizações frequentes

As operações de fiscalização promovidas pela Polícia Civil, através da Delegacia Especializada de Defesa do Consumidor ocorrem de forma frequente sendo verificadas todas as denúncias que chegam a unidade policial e outros órgãos de defesa do consumidor.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA