ÁGUA BOA

Policial

Polícia Civil cumpre mandado contra autor de estupro de vulnerável em operação nacional

Publicado em

Policial


Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Defesa da Mulher, Criança e Idoso de Várzea Grande, cumpriu o mandado de prisão em desfavor do autor de um crime de estupro de vulnerável, nesta sexta-feira (11.06), na Operação Acalento deflagrada em âmbito nacional para combate a crimes cometidos contra crianças e adolescentes.

A ordem judicial de prisão preventiva por estupro foi expedida pela 2ª Vara Criminal da Comarca de Várzea Grande. Segundo apurado, o suspeito constrangeu uma adolescente de apenas 13 anos a manter relação sexual com ele, sendo preso pela prática contra a dignidade da menor.

A Operação Acalento foi desencadeada em todo país sob coordenação do Ministério da Justiça.

Segundo a delegada da DEDMCI-VG, Mariell Antonini Dias, em Mato Grosso, as ações envolvem apurações desenvolvidas pelas unidades especializadas em defesa dos direitos da criança, que desde o dia 19 de maio tem dado cumprimento a mandados de prisão, com instauração e conclusão de investigações pendentes.

Na quinta-feira (10), também houve desenvolvimento de ações entre as Delegacias Especializada em Defesa da Mulher, Criança e Idoso de Várzea Grande e a Delegacia da Mulher de Primavera do Leste.

Leia Também:  Gaeco e PC desarticulam quadrilha comandada por policiais em MT; 22 são presos

“Este encontro muito proveitoso para troca de expertise e alinhamento quanto aos atos de investigação a serem desencadeados na operação”, disse a delegada.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Policial

Mulher que ateou fogo no marido em Tangará da Serra é presa pela Polícia Civil logo após o crime

Publicados

em


Assessoria | Polícia Civil-MT

Uma mulher que ateou fogo no corpo do marido na manhã desta segunda-feira (14.06), no município de Tangará da Serra (239 km a médio norte de Cuiabá) foi presa em flagrante pela Polícia Civil, logo após cometer o crime. A mulher, 28 anos, foi localizada próximo a unidade de saúde em que a vítima foi socorrida e foi autuada em flagrante por tentativa de homicídio qualificada por meio insidioso e uso de fogo.

O marido de 37 anos encontra-se internado em estado grave de saúde com cerca de 40% do corpo queimado. A prisão da suspeita ocorreu logo após a equipe da Polícia Civil de Tangará da Serra ser acionada para atender a ocorrência de um homem que havia entrada na Unidade Pronto Atendimento (UPA) com graves queimaduras pelo corpo.

A vítima apresentava queimaduras de 1º grau em 40% do corpo, bem como encontrava-se intubada e seu estado de saúde considerado grave. Durante o atendimento da ocorrência, os policiais civis identificaram a esposa da vítima como a autora da tentativa de homicídio. A suspeita foi localizada logo em seguida, nas proximidades da UPA, e ao ser abordada, confessou que ateou fogo no marido.

Leia Também:  Regional de Água Boa - Polícia Civil cumpre mandados judiciais contra organização criminosa que atua na região.

Questionada, ela alegou que na noite anterior, o marido havia a agredido, e na manhã desta segunda-feira (14) iniciaram uma nova discussão. A vítima então foi para o banheiro, ocasião em que a suspeita ficou o aguardando com uma bacia com álcool e fósforo, sendo a vítima surpreendida no momento em que saia do recinto. Mesmo após ter o corpo em chamas, a vítima foi dirigindo até UPA, onde foi socorrida.

Segundo o delegado, Adil Pinheiro de Paula, a suspeita alegou que ateou fogo no marido para se defender, porém a versão não convence, uma vez que ela ficou aguardando para atacar a vítima. “Ela aproveitou o momento em que a vítima saiu do banheiro para jogar o álcool e em seguida o fósforo aceso. Como na primeira tentativa o fósforo não pegou fogo, então ela acendeu um segundo palito, conseguindo incendiar o corpo da vítima”, explicou o delegado.

Diante das evidências, a mulher foi autuada em flagrante por tentativa de homicídio qualificada por meio insidioso e uso de fogo.

Fonte: PJC MT
Leia Também:  Dois foragidos têm prisão cumprida em ações distintas da Polícia Civil na Capital

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA