ÁGUA BOA

Policial

Polícia Civil prende seis pessoas em ações distintas de combate ao tráfico de drogas em Rondonópolis

Publicado em

Policial


Assessoria/Polícia Civil-MT

Seis pessoas envolvidas com tráfico de drogas no município de Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá) foram presas em flagrante pela Polícia Civil, na sexta-feira (10.09), em três ações distintas realizadas pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) do município. As ações resultaram na apreensão de diversas porções de entorpecentes, apetrechos relacionados ao tráfico e dinheiro.  

Os suspeitos, entre eles quatro homens e duas mulheres, foram autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Disk Drogas

Em uma das ações, os policiais da Derf Rondonópolis monitoravam os suspeitos há cerca de três semanas, ocasião em que receberam informações sobre dois homens que estavam associados para o comércio de entorpecentes, especialmente cocaína, que era distribuído por meio de “Disk Droga”, para usuários de classe média alta.

Segundo as informações, o contato com os clientes era feito pelo aplicativo whatsapp e o pagamento era realizado de diversas formas, como cartão, pix, ou moeda internacional. Após o trabalho de monitoramento e com fundadas suspeitas que os traficantes estariam com grande quantidade de entorpecentes, os policiais da Derf decidiram realizar a abordagem no endereço dos investigados.

Ao perceber a presença da Polícia, um dos suspeitos correu para o banheiro e tentou se desfazer de diversas porções de cocaína. Em continuidade as buscas, os policiais encontraram uma porção de maconha, outras embalagens contendo cocaína, além de uma máquina de cartão, utilizada na atividade do tráfico.

Leia Também:  Polícia Civil intercepta veículo com homens que planejavam cometer um roubo

Casal com passagem

Em outra investigação de combate ao tráfico, os policiais da Derf receberam informações sobre um casal que comercializava drogas em uma residência no bairro Ana Carla 2. Os suspeitos são conhecidos da Polícia, com passagens anteriores por tráfico de drogas e monitorados por tornozeleira eletrônica.

Durante monitoramento do casal, foi constatado que eles atuavam com a entrega de entorpecentes especialmente no período noturno, além de ser verificada grande movimentação de usuários na residência. Na sexta-feira (09), a equipe da Derf recebeu informações que o casal estava com grande quantidade de entorpecente, decidindo pela abordagem no local.

Em buscas na casa, os policiais encontraram porções de maconha, cocaína e pasta base espalhados em diversos pontos da casa, algumas já embaladas para venda, além de material utilizado para embalo da droga, caderno de anotações e R$ 264 em dinheiro. Alguns usuários que estavam na casa, ao perceber a presença dos policiais pularam os muros e fugiram do local.

Em continuidade as diligências, os policiais foram até o local em que a suspeita teria ido fazer uma entrega, conseguindo realizar a sua prisão em flagrante. Com ela foi encontrado mais R$ 304 em dinheiro trocado, característico da atividade de tráfico.

Droga na casa vizinha

A terceira ação de combate ao tráfico de drogas resultou na prisão de mais um casal que atuava com o comércio de entorpecentes, na região do Alfredo de Castro. A suspeita já foi presa em ações anteriores da Derf por envolvimento com a venda de drogas, e por isso continuava monitorada pela Polícia.

Leia Também:  Policiais civis prendem em flagrante suspeito que ameaçou de morte e sufocou mulher

Os policiais da Derf receberam informações que na sexta-feira (09) vários usuários estavam frequentando a residência do casal, indicando que poderia existir no local grande quantidade de entorpecentes.

Os investigadores foram até o local e durante as buscas na residência, apreenderam porções de maconha e material utilizado para embalo da droga. Em continuidade aos trabalhos, em uma residência vizinha que está abandonada, os policiais encontraram potes com porções de maconha e uma balança de precisão. Em uma ação anterior realizada pela Derf, o casal foi detido por trafíco utilizando o mesmo “modus operandi”, escondendo entorpecentes em uma residência vizinha para evitar o flagrante.

Os suspeitos tentaram reagir a prisão, e a mulher que está grávida alegou que estava passando mal, sendo acionada a equipe do Samu. Uma menor que estava com o casal também foi conduzida.

As três ações realizadas pelos policiais da Derf Rondonópolis resultaram na prisão de seis pessoas pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico. Diversos usuários também foram abordados e conduzidos e responderão por uso de entorpecentes.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Policial

Polícia Civil esclarece autoria de homicídio em Primavera do Leste e prende dois irmãos pelo crime

Publicados

em


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

A Divisão de Homicídios da Delegacia de Primavera do Leste esclareceu um homicídio ocorrido em fevereiro deste ano e indiciou dois irmãos envolvidos no crime.

Na tarde do dia 19 de fevereiro, Ueslei Ferreira Barbosa, de 44 anos, foi abordado por um dos investigados, no bairro Parque Eldorado, e atingido a tiros, morrendo no local. A partir das investigações realizadas pela equipe da Divisão de Homicídios, os policiais civis conseguiram identificar o executor do crime, que tem 28 anos.

Com base nas informações levantadas durante a apuração, o delegado Allan Victor Sousa da Mata representou por medidas de busca e apreensão.

Os mandados de buscas foram cumpridos durante a Operação Quinto Mandamento, deflagrada em abril deste ano, e resultando na apreensão de munições, drogas e arma de fogo. O suspeito não foi preso à época porque conseguiu fugir do local e deixou a esposa para trás, que foi detida em flagrante por tráfico de drogas. As munições apreendidas eram do mesmo calibre utilizado para executar a vítima.

Leia Também:  Policiais civis e militares deflagram operação contra ações criminosa em Cáceres

Prisões

Após a apreensão do material durante a operação, o delegado Allan Victor representou pela prisão temporária do suspeito. Ele foi localizado em julho pela equipe da DHPP, na zona rural de Poxoréu, com apoio de equipes da Derf e da Regional de Primavera do Leste.

Com a conclusão da investigação, a Polícia Civil apurou que o irmão do suspeito, de 24 anos, também teve participação no crime. A prisão dele foi efetuada nesta segunda-feira (27) em Primavera do Leste.

‘Diante da gravidade do crime e em razão de ambos já terem passagens criminais, foi representada pela decretação da prisão preventiva”, explicou o delegado.

Os dois irmãos foram indiciados por homicídio qualificado. O executor do crime responde por outros crimes, entre eles tráfico de drogas e posse irregular de arma de fogo.

Com a conclusão da investigação, o inquérito foi encaminhado à Justiça. O Ministério Público ofereceu denúncia e, após manifestação favorável pela decretação da prisão, a Justiça decretou a prisão preventiva dos irmãos.

Fonte: PJC MT
Leia Também:  Policiais civis prendem em flagrante suspeito que ameaçou de morte e sufocou mulher

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA