ÁGUA BOA

Policial

Polícia Civil recupera veículo roubado na Capital em residência no bairro Jardim Umuarama

Publicado em

Policial


Assessoria/Polícia Civil-MT

Policiais civis da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Veículos Automotores (DERFVA) recuperaram, na tarde de quinta-feira (09.09), um veículo produto de roubo ocorrido na Capital. O veículo foi localizado em uma residência no bairro Jardim Umuarama e uma mulher foi presa em flagrante por receptação.

O veículo Fiat Uno foi roubado no dia 03 de setembro no bairro Jardim Imperial, quando a vítima estava abastecendo o porta-malas e dois suspeitos em uma motocicleta anunciaram o assalto.

Na quinta-feira (09), os policiais da DERFVA estavam em diligências investigativas na região do bairro Jardim Umuarama, quando verificaram a movimentação suspeita em uma residência. Em verificação do local, os policiais visualizaram por baixo do portão um veículo Fiat Uno, sem placas de identificação, com características semelhantes ao roubado.

Diante das fundadas suspeitas, os policiais realizaram abordagem, momento em que o morador empreendeu fuga, pulando muros das residências vizinhas. Em checagem, foi confirmado se tratar do veículo roubado no bairro Jardim Imperial. Na residência, também foi encontrada a placa de outro veículo produto de roubo, ocorrido no dia 06 de setembro.

Leia Também:  Delegacia ganha espaço ampliado para atendimento a vítimas de violência doméstica e sexual

Uma mulher que estava na casa foi conduzida à DERRFVA e após ser interrogada foi autuada em flagrante pelo crime de receptação.

As investigações seguem em andamento para identificar outros envolvidos no crime.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Policial

Polícia Civil prende em flagrante dois suspeitos por homicídio de rapaz no Pedra 90

Publicados

em


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

Duas pessoas foram presas em flagrante pela Polícia Civil na madrugada desta sexta-feira (17.09) por envolvimento no homicídio de  Felippe Fernandes Rodrigues da Silva, 21 anos, encontrado morto na região do Cinturão Verde, em Cuiabá. Os dois investigados foram autuados por homicídio qualificado e por constituir organização criminosa.

A equipe da Delegacia Especializada de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) chegou aos suspeitos depois de realizar diversos levantamentos, oitivas e informações que possibilitaram a identificação dos dois envolvidos no crime.

Conforme o delegado que preside as investigações, Mário Roberto Santiago, os suspeitos foram presos no Pedra 90. Um deles foi localizado em um motel da região, e o outro foi preso no bairro.

Felipe Fernandes foi localizado nesta quinta-feira (16), na estrada do Cinturão Verde, na região do Pedra 90, com oito perfurações de disparo de arma de fogo.

No dia 12 de setembro, duas pessoas (uma delas a vítima do homicídio) foram conduzidas pela Polícia Militar à Central de Flagrantes de Cuiabá sob suspeita de ter cometido estupro contra uma adolescente. Ambos foram ouvidos pelo delegado plantonistas e autuados em flagrante, sendo encaminhados à audiência de custódia, onde foram colocados em liberdade com medida cautelar de uso de tornozeleira eletrônica.

Leia Também:  Polícia Civil prende em Confresa três envolvidos com tráfico de drogas e associação criminosa

No dia 14 de setembro, começaram a circular em grupos de aplicativos de mensagens de que integrantes de uma organização criminosa estavam atrás dos dois suspeitos do estupro para aplicar o chamado ‘salve’.

Felipe Fernandes foi à Central de Ocorrências da Polícia Civil e registrou um boletim de ocorrências informando que estava sendo ameaçado de um salve por membros do grupo criminoso por conta do possível estupro que teria praticado e passou o nome de uma pessoa que estaria por trás das ameaças. No mesmo dia em que registrou o boletim, Felipe desapareceu e a família registrou uma ocorrência relatando o desaparecimento dele e informando que a vítima havia sido levada por criminosos de uma organização criminosa.

Na quinta, a equipe do Núcleo de Pessoas Desaparecidas estava em diligências para esclarecer o desaparecimento de Felipe, quando foi localizado o corpo dele na região do Cinturão Verde.

A partir das informações dos boletins de ocorrências registrados, os policiais da DHPP chegaram à identificação de duas pessoas envolvidas no homicídio. O delegado Mário Santiago ouviu também a vítima do suposto estupro, além de familiares de Felipe.

Leia Também:  Em rápida ação Polícia Civil prende autor de furto e recupera os produtos furtados

Diligências da DHPP seguem para identificar se há envolvimento de outras pessoas no homicídio.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA