ÁGUA BOA

Policial

Veículo proveniente de estelionato em Goiás é recuperado pela Polícia Civil

Publicado em

Policial


Assessoria | Polícia Civil-MT

Um veículo proveniente de estelionato cometido em Goiás foi recuperado pela Polícia Civil de Mato Grosso, na quinta-feira (09.09), em Nova Xavantina (645 km a leste de Cuiabá).

O automóvel Ford KA Sedan pertence a uma empresa de locadora de veículos na cidade de Goiânia, sendo alugado por uma pessoa e depois vendido irregularmente a uma outra terceira pessoa.

Durante a investigação, os policiais civis receberam uma denúncia que o responsável pela locação teria alugado o carro e não efetuou o pagamento semanal da locação. o suspeito também teria saído de rota previamente estabelecida no contrato.

Com base nas informações, os policiais civis apuraram que o veículo estava em uma empresa de autoelétrica, na cidade de Nova Xavantina, onde já haviam retirado o rastreador.

Os investigadores conseguiram localizar o Ford KA e identificar o comprador do carro, que foi encaminhado para esclarecimentos. Na Delegacia de Polícia, o morador contou que havia comprado o veículo em Goiânia pelo valor de R$ 28 mil.

Porém, o conduzido não apresentou documento e nem recibo que comprovasse a compra. Diante das evidências, ele responderá criminalmente por receptação. Já o carro Ford KA foi apreendido e será restituído à locadora, que teve um prejuízo de cerca de R$ 45 mil.

Leia Também:  Polícias Civil e Militar prendem em flagrante autores de sequestro e homicídio mediante tortura em Cáceres

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Policial

Polícia Civil prende quarto suspeito envolvido em crime de tortura e tentativa de homicídio em Confresa

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

O quarto e último integrante de facção criminosa envolvido em crimes de tortura e tentativa de homicídio ocorrido na cidade de Confresa teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, nesta sexta-feira (17.09). O suspeito foi localizado no município de Barra do Garças, encerrando o ciclo de investigações realizado pela Delegacia de Confresa.

As investigações realizadas pela equipe da Delegacia Municipal apontaram que os suspeitos, obedecendo ordens superiores da organização criminosa, estavam envolvidos em crimes de tortura e tentativa de homicídio ocorridos na cidade.

Ao todo, o delegado Matheus Soares Augusto representou pela prisão de quatro integrantes da organização criminosa, identificados durante as investigações. Os mandados foram deferidos pela Comarca de Porto Alegre do Norte. Os criminosos responderão por crimes de integrar organização criminosa, tortura e tentativa de homicídio.

Segundo o delegado, atuação de grupos criminosos têm avançado, todavia o trabalho investigativo também o que permite a Polícia Civil indiciar os integrantes de facções pelos crimes da Lei 12.850/13, aumentando suas penas.

Leia Também:  Reativação de Comitê de Inteligência vai fortalecer combate integrado ao crime organizado nos estados

“A prisão dos criminosos demonstra a força de atuação da Polícia Civil, visto que serão indiciados e responsabilizados não apenas pela tortura ou pela tentativa de homicídio, mas também por integrarem organização criminosa”, explicou o delegado.

Nesta semana, quatro integrantes do grupo criminoso que atuavam em Confresa foram presos, inclusive um deles, ocupava posição de destaque na organização e foi preso em flagrante enquanto coordenava um grupo que preparava diversas porções de drogas para venda.

A Delegacia Municipal de Confresa continuará as investigações com a postura combativa em desfavor de grupos criminosos.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA