ÁGUA BOA

Política

Comunidade indígena de General Carneiro recebe ambulância via emenda parlamentar do Dep. Nininho

Publicado em

Política

 

Foto: VÂNIA NEVES

O município de General Carneiro acaba de receber ambulâncias novas. De acordo com o deputado estadual Ondanir Bortolini (PSD), Nininho, o recurso, destinado via emenda parlamentar, foi na ordem de R$ 150 mil para a aquisição de um desses veículos com contrapartida do município. A ambulância vai atender a comunidade Sangradouro, composta por 35 aldeias dentro da área Xavante.

“É uma alegria ver esta demanda concluída, um pedido do saudoso vereador Heder Caio, dos vereadores Valdecy e José Mauro e do nosso amigo Luiz Antônio, presidente do assentamento Santa Cássia. Com certeza a comunidade agora será melhor assistida nas condições de logística para a saúde”, pontuou Nininho.

O vereador José Mauro agradeceu o deputado em nome dos seus colegas e da população. “É gratificante ver a atenção que o deputado Nininho tem com os municípios, em especial, os que estão distantes da capital como ocorre com nossa cidade. Nós acompanhamos as ações dele presentes em cerca de 80% dos municípios do nosso estado, independente de sigla partidária, ele tá sempre pronto para receber as pessoas”, destacou José Mauro.

Leia Também:  Deputado Thiago Silva representa a Assembleia Legislativa em inauguração da Delegacia da Mulher

Para o parlamentar, a ambulância para a comunidade Sangradouro traz de volta dignidade e respeito à população.

“A comunidade está localizada a 172 quilômetros da sede do município. Esse veículo é mais que necessário para atender essas pessoas. Agradecemos o governador Mauro Mendes por entender e ser pontual com os compromissos com o nosso povo”, ratificou o parlamentar.

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Política

Allan Kardec propõe criar ecobarreiras para contenção de lixo nos rios do Pantanal

Publicados

em


Foto: Marcos Lopes

Um projeto de lei que busca minimizar o impacto do descarte de resíduos na rede hidrográfica que abastece o pantanal mato-grossense foi apresentado na sessão ordinária da última quarta-feira (16) na Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT). De autoria do deputado Allan Kardec, o Projeto de Lei nº 504/2021 agora segue para análise e parecer da comissão de meio ambiente. 

As ecobarreiras são estruturas flutuantes instaladas transversalmente nas calhas de corpo d’água, em trechos próximos à foz, para retenção de resíduos flutuantes, impedindo com que resíduos sólidos descartados nos rios possam prosseguir em direção ao pantanal.

As áreas e locais em que serão instaladas as ecobarreiras serão definidas pela Secretaria de Meio Ambiente (SEMA). O Poder Executivo Estadual também poderá celebrar convênios com entes municipais, universidades públicas ou privadas, instituições de ensino público ou privado, organizações do terceiro setor, entre outros, para a realização de estudos científicos, instalações, manutenção das estruturas flutuantes, coleta, triagem e encaminhamento para reciclagem dos resíduos flutuantes retidos nas ecobarreiras.

Leia Também:  Produtores que foram a Brasília arrecadam e doam 50 toneladas de alimentos

Para o deputado Allan Kardec, o projeto de lei vem para colaborar com um dos grandes desafios nas sociedades contemporâneas, que é a conciliação do consumo de produtos e seu descarte consciente.

“Infelizmente o descarte de produtos consumíveis ou deteriorados continua a ser lançados em nossos rios e, com isso, em muito ao desaguar na região do pantanal do nosso Estado, passam a efetuar acúmulo de resíduos sólidos, tais como garrafas pets, cadeiras, sofás, lixo, entre outros que trazem verdadeira poluição àquele meio ambiente protegido e, também, poluindo os rios que os transportam” justifica o deputado no projeto.

A proposta é que as ecobarreiras sejam instaladas ao longo dos principais rios que desaguam no pantanal mato-grossense. As redes coletoras de resíduos contribuirão para o recolhimento de materiais sólidos flutuantes que podem ser encaminhados, por exemplo, para cooperativas de reciclagem, gerando renda para trabalhadores e protegendo o meio ambiente.

Fonte: ALMT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA