ÁGUA BOA

Saúde

Hospital em SP investiga caso de mucormicose em paciente com covid-19

Publicado em

Saúde


O Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo está investigando um caso de mucormicose em um paciente de cerca de 30 anos de idade com histórico de covid-19.

A mucormicose é uma infecção rara, provocada por um fungo, e tem acometido milhares de pacientes com coronavírus na Índia. Esse fungo é encontrado, principalmente, em lugares quentes e úmidos. A doença não é contagiosa, ou seja, não é transmitida de pessoa a pessoa.

Segundo o Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC), a doença afeta principalmente pessoas que têm problemas de saúde ou tomam medicamentos que diminuem a capacidade do corpo de combater germes e doenças. 

“É uma doença causada por um fungo, felizmente incomum no nosso país, embora tenhamos ocorrências de casos. É uma doença muito grave e que acomete, em especial, pacientes com baixa imunidade. Infelizmente, o fato de se usar corticoides em altas doses acaba provocando ocorrência com um ou outro paciente”, explicou hoje (2) o secretário estadual da Saúde de São Paulo, Jean Gorinchteyn.

Leia Também:  Agua Boa registra o trigésimo segundo óbito por coronavirus nesta segunda (22).

Ontem (1º) um caso de mucormicose foi confirmado em Manaus pela Fundação de Medicina Tropical Dr. Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD). Segundo a fundação, o paciente era um homem de 56 anos, residente em Manaus, com histórico de diabetes tipo 2. Esse paciente foi internado no dia 12 de abril e morreu quatro dias depois no Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio.

Ele havia recebido a primeira dose da CoronaVac, vacina contra a covid-19, no dia 1º de abril. Dias depois, já apresentou sintomas gripais. O teste de RT-PCR não detectou covid-19. Esse paciente apresentou também um prurido no olho direito, que evoluiu para uma infecção local. Após a confirmação do caso, um alerta foi emitido para os médicos que atendem pacientes com covid-19 e diabetes no estado do Amazonas.

Edição: Lílian Beraldo

Fonte: EBC Saúde

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

Saúde

Prefeito cumpre agenda em Brasília e anuncia vinda de ministro a Cuiabá

Marcelo Queiroga confirmou sua vinda a Cuiabá nos próximos dias

Publicados

em

O prefeito Emanuel Pinheiro está em Brasília desde sexta-feira (11), juntamente com o deputado federal Emanuel Pinheiro Neto, Emanuelzinho, tratando da questão do envio de doses extras de vacinas contra a covid-19 para Cuiabá em contrapartida à realização da Copa América na cidade. Somente nesta semana, o prefeito e o parlamentar tiveram duas audiências com o ministro-chefe da Casa Civil, Luiz Eduardo Ramos e com o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, além de uma audiência com o presidente da República, Jair Bolsonaro, o que demonstra a atuação política incansável na busca de vacinas para acabar com a crise sanitária decorrente da covid-19, em Cuiabá.

“Em uma grande ação em defesa da população cuiabana, no enfrentamento à maior crise sanitária da História, temos que cuidar da saúde e da vida das pessoas. E o ministro, muito solícito – a gente agradece a audiência em pleno sábado – já está preparando uma agenda para, muito em breve, estar em Cuiabá e levar uma grande notícia para nossa população”, afirmou o gestor, em vídeo gravado ao lado de Queiroga e de Emanuelzinho.

Leia Também:  Estudo mostra benefícios de contar histórias para crianças

O ministro da Saúde confirmou sua vinda à Capital mato-grossense nos próximos dias para anunciar novas medidas de combate à pandemia. “Cuiabá fez o dever de casa. Tem atuado forte na saúde pública e, por isso, tem condições de realizar jogos da Copa América. Então vamos trabalhar em parceria para fortalecer ainda mais o sistema de saúde da cidade de Cuiabá. Estarei em breve com vocês. Vamos trabalhar juntos para que consigamos vencer essa crise sanitária e Cuiabá crescer ainda mais”, disse o ministro em vídeo gravado ao lado dos representantes da população cuiabana.

Emanuel Pinheiro Neto também agradeceu a disponibilidade de Queiroga em somar esforços para o combate ao coronavírus em Cuiabá. “Agradeço imensamente o ministro da saúde, que tem sido muito solícito, muito atencioso com Cuiabá. Liderando esse momento de vacinação em massa para a população de Mato Grosso, em especial a população cuiabana. Aproveito para agradecer por ter aceitado o convite de ir a Cuiabá justamente para fortalecer nosso trabalho contra o coronavírus”.

Leia Também:  Antibióticos entram na lista de importação extraordinária e temporária

Folha Max

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

AGUA BOA

VALE DO ARAGUAIA

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA